Judiciário 11:19

“O guia eleitoral não pode ser transformado em subsidiária do UFC”, diz presidente do TRE

José Ricardo Porto diz que o guia eleitoral precisa discutir propostas para a cidade

Ricardo Porto diz que crimes serão coibidos pela Justiça Eleitoral. Foto: Divulgação/TRE

 

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), José Ricardo Porto, tem feito um alerta sério aos candidatos a prefeito e a vereador nas eleições deste ano. O recado é que eles não transformem o guia eleitoral em “subsidiária do UFC”, em referência ao badalado torneio de lutas norte-americano. Em entrevista à CBN Paraíba, nesta quinta-feira (8), ele lembrou que o espaço é para a apresentação e conhecimento de propostas, “não para baixarias”.

“O guia eleitoral não pode ser um palco de agressões e de levar fake news, de fatos não existentes, justamente com o objetivo de causar embaraços, situações não aceitáveis no que diz respeito à livre manifestação do respeito e da vontade no debate em que a população, o povo, não quer ouvir mais. Nós queremos ouvir propostas, para que o eleitor possa saber que vai votar naqueles que apresentam a comunidade na qual estão inseridos”, disse Porto. A propaganda eleitoral em rádio e TV terá início nesta sexta-feira (9) e se estende até o dia 12 de novembro.

O presidente do TRE também disse que a Justiça Eleitoral não vai tolerar ofensas à honra dos candidatos, com o fim de gerar constrangimentos por questões eleitorais na internet. Ele disse que está tranquilo quanto a isso, pois percorreu várias zonas eleitorais e conversou com juízes e promotores eleitorais. Todos estão orientados para o enfrentamento de casos abusivos. “Estamos recebendo informações diárias de publicações e a Justiça está atuando para coibir os excessos”, ressaltou o presidente do TRE. 

Ele lembrou ainda que a Internet permitiu que as pessoas troquem mensagens de forma muito ágil e isso gerou desafio também para a Justiça Eleitoral, para o combate aos abusos. Ele alega que existe, hoje, como rastrear as postagens negativas feitas nas redes sociais. Os abusos, ele garante, serão coibidos.

Quer receber todas as notícias do blog? Basta clicar no link abaixo e se cadastrar para receber notícias automáticas no WhatsApp.

https://chat.whatsapp.com/LjSHneKlLUKKzBM0oa0Lpd

Mais Notícias

Comente
O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados com *