Mercado em Movimento

Camila Esposte
Láuriston Pinheiro

Aplicativo traz nova funcionalidade para Secretarias de Saúde de todo país

Aplicativo “Lembre do remédio” tem larga usabilidade e está disponível para gestores e a população gratuitamente

 

 

Longas filas, aglomeração de pessoas, falta de informação. A grande busca da população pelas vacinas que garantem imunização e proteção contra os casos mais graves da Covid-19 tem gerado dor de cabeça para gestores e muita repercussão negativa pela dificuldade de organizar o processo.

Mesmo com informações disponibilizadas nos sites governamentais e na própria imprensa, o que se viu nestes primeiros meses foi uma intensa corrida e muita decepção por quem não conseguiu se vacinar.

E uma maneira de gerenciar a situação é informar diretamente as pessoas que realmente serão vacinadas a cada dia.

Com essa ideia, a Pacto Mais, empresa de tecnologia com foco no setor farmacêutico, trouxe para dentro do seu aplicativo Lembre do Remédio uma nova funcionalidade, chamada “Lembre da Vacina”.

Por ser uma solução já testada e aprovada por milhares de usuários diariamente, o Lembre do Remédio pode ser uma solução estruturada para prefeituras e governos estaduais organizarem o processo de vacinação no Brasil.

A plataforma utiliza informações da base de dados das secretarias municipais de saúde.

Dessa forma, os gestores conseguem chamar para vacinação apenas o número estimado de pessoas, com base nas doses disponíveis para cada dia.

Outra vantagem é que o aplicativo é gratuito, tanto para os usuários, quanto para as prefeituras que tiverem interesse em usar a solução tecnológica.

Os usuários já podem encontrar o aplicativo Lembre do Remédio nas lojas online para os smartphones Android.

De maneira totalmente gratuita, o aplicativo Lembre do Remédio possibilita que as secretarias de Saúde cadastrem os cidadãos e informem o dia e hora que está agendada a vacina contra a Covid-19.

“”É um orgulho para nossa equipe colaborar com uma ferramenta de tecnologia para enfrentamento à pandemia. A funcionalidade Lembre da Vacina será um facilitador de acesso à vacina.

Veja também  Anúncios em vídeo movimentaram R$ 8,6 bilhões e predominaram nas redes sociais em 2020

A logística é complicada e o aplicativo vai facilitar esse processo, avisando corretamente sobre o dia, a hora, e o tipo da vacina para cada pessoa”, explica Castro Neto, diretor da Pacto Mais.

 

Passo a passo da vacinação com o aplicativo Lembre do Remédio

Assim que o lote de vacinas chegar às secretarias de saúde, os gestores fazem a programação de doses disponíveis e os públicos prioritários, identificando as pessoas da primeira e segunda dose, além de qual vacina cada um deve tomar.

A secretaria de Saúde acessa o portal Lembre do Remédio e insere os dados dos cidadãos do município, informando os dados de cada um: dia da vacinação: data, hora, tipo da vacina, dose e local.

O cadastro pode ser feito um a um ou por meio de importação de dados de planilha que as secretarias já possuem.

A partir daí, os cidadãos recebem em seus smartphones mensagens via aplicativo  informando dia, horário e local da vacinação.

Dessa maneira, apenas as pessoas que foram avisadas da vacinação deverão comparecer para tomar as doses.

Outra vantagem para os gestores municipais de saúde é que a Pacto Mais vai preparar um vasto conteúdo para treinamento e tirar as dúvidas das equipes de servidores que vão utilizar o aplicativo.

Vantagens para os gestores governamentais

Entre as vantagens do uso do aplicativo estão a melhora da eficiência da programação e priorização das pessoas a serem vacinadas, maior confiança da população em relação às ações de vacinação, processo de vacinação mais fácil.

A ferramenta é testada e totalmente gratuita para gestores de saúde e também para população. Para baixar o Lembre do Remédio no smartphone, basta acessar o site