Arbitragem 18:43

Ruthyanna é escalada para Atlético-PB x Sp Crystal e será a primeira árbitra da FPF a comandar um jogo da 1ª divisão do Paraibano

Por Pedro Alves

Foto: Vitor Oliveira / ge

A partida entre Atlético de Cajazeiras e São Paulo Crystal, pela 2ª rodada do Campeonato Paraibano, marcada para este sábado, no Estádio Perpetão, em Cajazeiras, vai registrar um importante momento histórico no futebol paraibano. Será a primeira vez que uma mulher do quadro da FPF, enfim, vai ser a árbitra central de um jogo da elite do futebol do estado. Ruthyanna Camila será a dona do apito. 

 

E demorou. Para além do atraso histórico, eu diria que também houve atraso técnico. A juíza já estava pronta para comandar um jogo de primeira divisão de estadual há algum tempo. Em alguns momentos faltou apenas ela passar na prova física cobrada para as disputas de futebol profissional masculino. Em outros, faltou confiança de colocá-la para jogo. A árbitra é do quadro da CBF desde 2016.

 

Ruthyanna já havia feito história em 2016, no seu primeiro ano no quadro nacional. Ela foi a primeira mulher da arbitragem paraibana a apitar um jogo com o selo CBF. No dia 16 de setembro daquele ano, a juíza comandou o duelo entre Botafogo-PB e São Francisco-BA, pela Copa do Brasil de Futebol Feminino.

 

De lá para cá, foi utilizada pela CBF em jogos de futebol feminino e em partidas da 2ª divisão do Campeonato Paraibano. Faltava ainda carimbar a primeirona. Sábado será o dia. 

 

Ruthyanna nasceu em 1995, em Natal, no Rio Grande do Norte, mas aos oito anos foi morar em Várzea, no Seridó paraibano. Aos 15 se mudou para Patos para estudar e acabou fixando residência até hoje na Morada do Sol. Amante do futebol desde pequena, foi justamente na terra de Nairon Barreto que Ruthyanna, aos 17 anos de idade, ingressou na Liga Patoense de Futebol. Em 2014, aproveitou um curso de arbitragem realizado no Sertão pela Federação Paraibana de Futebol (FPF) e se formou como árbitra.

Mais Notícias

Comente
O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados com *