Vacinação 21:50

João Pessoa vacina quilombolas e 2ª dose em trabalhadores de saúde e acamados nesta segunda

Por ANGÉLICA NUNES e LAERTE CERQUEIRA

 

Foto: divulgação/Secom-JP

Após o fim de semana de mutirão, com ‘corujão’ e tudo para aplicação da segunda dose da Coronavac/Butantan, a Prefeitura de João Pessoa decidiu retomar a ampliação da imunização para outros grupos. Nesta segunda-feira (26) serão vacinadas as pessoas residentes em comunidades tradicionais e quilombolas. A vacinação de pessoas acamadas e trabalhadores da saúde que já estão no prazo para tomar a segunda dose também será continuada.

No caso dos quilombolas, a imunização será realizada às 11h, nas duas entidades representativas no bairro de Paratibe: Associação Beneficente das Comunidades Remanescentes de Quilombo “Palmares” e Associação da Comunidade Negra de Paratibe.

Já para as pessoas acamadas, a Seção de Imunização da Prefeitura de João Pessoa voltará o atendimento das que já receberam a primeira dose da vacina na Capital. As equipes farão as visitas domiciliares para concluir o esquema vacinal desse público especial.

Trabalhadores da saúde

A administração da segunda dose da vacina que previne contra a Covid-19 também terá continuidade para os trabalhadores de saúde que atuam diretamente na assistência de pessoas com síndromes gripais e atuam na rede hospitalar da capital.

A partir desta segunda, serão contemplados os trabalhadores do Hospital Dom Rodrigo, Complexo Psiquiátrico Juliano Moreira, Clim, João Paulo II, Hospital Nova Esperança, Padre Zé e Hospital Samaritano.

As equipes já visitaram o Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, Napoleão Laureano, São Luís, Infantil Arlinda Marques, São Vicente de Paula, Complexo Hospitalar de Mangabeira Tarcísio de Miranda Burity, General Edson Ramalho, Instituto Cândida Vargas e Hospital de Guarnição de João Pessoa.

“Todos os profissionais que atuam nestas unidades hospitalares estão recebendo o imunizante da vacina Oxford-AstraZeneca, produzida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). São trabalhadores que iniciaram o esquema vacinal entre os dias 28 de janeiro e 4 de fevereiro”, explicou Fernando Virgolino, enfermeiro e chefe da Seção de Imunização da Secretaria de Saúde de João Pessoa.

Documentação exigida

Quem for tomar o reforço é imprescindível levar documento oficial com foto, o cartão de vacinação com a primeira dose e comprovante de residência em João Pessoa.

Cadastramento

A Secretaria Municipal de Saúde alerta as pessoas que ainda estão aguardando o momento de ser vacinado para que realizem o cadastramento através do aplicativo Vacina João Pessoa ou no site Vacina João Pessoa. Dessa forma, vai agilizar o processo de agendamento e atendimento nos postos de vacinação, garantindo a informação é a vacina no local indicado.

Aquelas pessoas que tiverem dificuldades com a ferramenta eletrônica podem ir até os postos de saúde e de vacinação para receber ajuda nessa operação. Também é importante destacar que o agendamento ocorre de acordo com a disponibilidade da vacina, que é adquirida e distribuída pelo Ministério da Saúde.

 

Comente
O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados com *