Em dois dias, Mada reúne Nação Zumbi, Pitty, Nando Reis e Gabriel, o Pensador

Mada2015

Nando Reis e Gabriel, O Pensador (no alto) se unem a novatos como Scalene (E) e os franceses Juveniles (D) (Fotos: divulgação)

Nesta sexta (30) e sábado (31), o festival Música Alimento da Alma (Mada) transforma Natal na capital nordestina da música pop. Com 20 shows, distribuídos em dois palcos, nos dois dias do evento, o festival portiguar celebra 17 anos de atividade.

Desde 1998, o Mada mantém foco na fusão de trabalhos consistentes da cena indie brasileira, aos já veteranos que já veteranos que estão ativos e, principalmente, produzindo música de alta qualidade, além de inserir artistas locais no circuito dos festivais. Tudo isso com uma produção impecável, reconhecido pela dinâmica inglesa de shows entre os dois palcos.

Nessa mistura, novatos como o pernambucano Romero Ferro divide os holofotes da primeira noite com a prata da casa indie The Automatics, Gabriel, o Pensador, Pitty e os franceses Juveniles.

No sábado, a revelação Scalene sai do Distrito Federal para compor com Nação Zumbi, Nando Reis e a instrumental Camarones Orquestra Guitarrística a programação diversificada do festival.

“É um festival construído a partir do conceito de música contemporânea. Mas como projeto subsidiado, precisa levar em consideração outros pontos: a formação de público, procurando conectar as pessoas aos trabalhos autorais de qualidade”, explicou o idealizador do festival, Jomardo Jomas.

Ele cita como exemplo o retorno da Nação Zumbi (que se apresentou no festival em 2009), banda reconhecida nacional e internacionalmente que leva ao palco do Mada um trabalho impecável, elogiado por público e crítica. “Muitos pais que eram adolescentes no começo do Mada, agora levarão seus filhos para conhecer o Nação Zumbi. Isso é bacana de ver”, acrescenta Jomas.

Além dos shows alternados, o Mada mantém uma programação paralela com a minimostra de vídeoclipes, numa parceria com a Guria Produtora. O projeto foi contemplado no Edital de Economia Criativa do Sebrae-RN e consiste na exibição de clipes de vários artistas potiguares, além de um Cine-lounge, climatizado e com fones de ouvido para quem quiser conferir clipes musicais, com direito a pipoquinha. O Festival também mantém a tradicional Feira Mix com vários expositores e seus produtos artísticos, exposição de vinís e estandes de selos musicais e entidades culturais.

Confira a programação:

SEXTA-FEIRA (30)

Igapó de Almas  (RN) –  (PALCO COSERN )

The Automatics (RN) –   ( PALCO OI)

Mahmed (RN) –  (PALCO COSERN )

Romero Ferro (PE) –  (PALCO OI )

Plutão Já foi Planeta (RN) –   (PALCO COSERN )

Pitty (BA) –  (PALCO OI)

Juveniles (FRA) –   (PALCO COSERN )

Versalle (RO) –   (PALCO OI )

Gabriel O Pensador (RJ) –  ( PALCO COSERN )

 

SÁBADO (31)

O Liberato (BA) (PALCO OI)

Luiza e os Alquimistas (RN)   ( PALCO COSERN )

Agregados (RN) (PALCO OI)

Camarones Orquestra Guitarrística (RN) ( PALCO COSERN )

Moxine (SP) ( PALCO OI)

Rivera (CE) (PALCO COSERN)

Scalene (DF)  ( PALCO OI)

Felipe Cordeiro (PA) (PALCO COSERN )

Nação Zumbi  (PE) ( PALCO OI )

Nando Reis (SP)  ( PALCO  COSERN )

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *