Pink Floyd revela detalhes de novo álbum; veja aqui a capa e repertório de ‘The Endless River’

PF2

Wright e Gilmour (E) e Mason (de óculos) durante as sessões de 1993, de onde saiu o novo ‘The Endless River’ (reprodução)

O Pink Floyd revelou, nesta segunda-feira (22), detalhes sobre o lançamento de The Endless River, novo disco do grupo, composto por sobras da gravação de Division Bell (1993). O disco será lançado no dia 10 de novembro em vários formatos: CD simples, vinil duplo e um box de luxo – todos já em pré-venda aqui.

O CD vem com um encarte caprichado de capa dura (similar a edição especial do ultimo disco do Pearl Jam, Lightning Bolt). Nele haverá fotos inéditas, texto e arte conceitual. O LP duplo vem com dois vinis de 180 gramas e teve uma masterização especial (pilotada por Doug Sax), própria para o LP.

A edição ‘deluxe’ é repleta de mimos: traz livreto de 24 páginas com foto; CD; DVD áudio (ou blu-ray áudio) com o repertório com opção de mixagem em 5.1 canais, postais (um deles com efeito lenticular 3D) e mais 39 minutos de material extra exclusivo, entre faixas em áudio e vídeo.

5870ee2c4d870d2aeef06fc039998a3c

Capa de ‘The Endless River’ (reprodução)

The Endless River traz 18 faixas coletadas das sessões de Division Bell, ultimo disco de estúdio do Pink Floyd, lançado há mais de 20 anos. Para os remanescentes do Pink Floyd, o álbum é uma homenagem ao tecladista Rick Wright, morto em setembro de 2008.

Em 2013,  David Gilmour e Nick Mason ouviram as sessões da gravação do disco de 1993 e decidiram que, ali, havia músicas dignas de figurar no repertório do Pink Floyd.

Pensando nisso, e no fato de que foi a última vez que Gilmour, Mason e Wright gravaram algo juntos, o Pink Floyd resolveu trabalhar o repertório para The Endless River, atualizando as músicas com a tecnologia de ponta, disponível hoje, duas décadas depois de entrarem no estúdio.

O álbum é, segundo comunicado divulgado pela banda, essencialmente instrumental, com os teclados de Rick Wright no centro do som do Pink Floyd – embora haja ‘Louder Than Words’, que traz novas letras assinadas por Polly Samson, mulher de David Gilmour.

The Endless River foi produzido por David Gilmour, Phil Manzanera, Youth e Andy Jackson.

Confira o repertório:

1. Things Left Unsaid
2. It’s What We Do
3. Ebb And Flow
4. Sum
5. Skins
6. Unsung
7. Anisina
8. The Lost Art of Conversation
9. On Noodle Street
10. Night Light
11. Allons-y (1)
12. Autumn’68
13. Allons-y (2)
14. Talkin’ Hawkin’
15. Calling
16. Eyes To Pearls
17. Surfacing
18. Louder Than Words

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *