Com sanfona em punho, Lucy conquista o ‘The Voice Brasil’

Lucy Alves carimbou o passaporte para a próxima etapa cantando ‘Qui nem jiló’ (foto: reprodução)

Por André Cananéa

Foi bela a participação da paraibana Lucy Alves no The Voice Brasil, na noite desta quinta-feira (10).

De sanfona em punho – instrumento que domina com habilidade – e com um clássico nordestino no gogó afinado (‘Qui nem jiló’, de Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira), ela garantiu uma vaga para a próxima etapa do programa da Globo.

“Essa canção que você escolheu é a canção mais bonita que tocou esta noite, aqui, hoje”, declarou Lulu Santos ao final da apresentação de Lucy.

A líder do grupo Clã Brasil passou com votos de Lulu Santos e Carlinhos Brown.  Não levou mais que 14 segundos para Brown  dar seu voto a favor da paraibana.

Lucy Alves me surpreendeu pelo vozeirão, claro, limpo e, principalmente, seguro. A segurança de Lucy carimbou seu passaporte para a próxima etapa, sem falar do manejo com a sanfona e de ter escolhido uma música linda, tocante e compatível com seu timbre.

Levar a sanfona foi um golpe baixo, mas um golpe baixo de gênio. Inserir um instrumento carinhosamente amado em todo o país, mas frequentemente esquecido em programas desse tipo, resultou em um belo gol de placa.

De cara, despertou a atenção dos quatro jurados (os outros são Claudia Leitte e o cantor Daniel), sobretudo Carlinhos Brown, que gamou no instrumento e só precisava confirmar a voz para dar seu voto – daí votar tão rápido.

“Sua primeira voz foi sanfona”, derreteu-se o Cacique.

Mas Lulu Santos sacou a jogada, e pediu: “Foi maravilhoso a gente ter te conhecido assim, linda, com uma sanfona, com tudo isso que você traz. Numa próxima vez, eu queria ouvir você cantar sem sanfona, para você se dedicar à voz”.

Apesar da voz envolvente, o páreo é duro para Lucy, afinal os concorrentes cantam em tons mais altos que o dela.

Ao final, Lucy Alves escolheu ficar no time de Carlinhos Brown.

Veja fotos da apresentação de Lucy clicando aqui.

Clique aqui e veja a apresentação de Lucy Alves.

Bruna Borges, pernambucana que mora em João Pessoa (foto: reprodução)

PERNAMBUCO-PARAIBA

Bruna Borges, pernambucana que mora em João Pessoa atualmente, também meio que representou a Paraíba.
Bruna, que mandou a balada ‘Nada por mim’, de Herbert Vianna e Paula Toller, mostrou que tem vozeirão, mas o nervosismo atrapalhou um pouco.

Certamente, seu vozeirão chega mais longe.

Ao final, Lulu Santos se rendeu: “Virei para você porque gostei da sua voz. Eu gostei da forma como você não foi caricatural. No final, mandou ver, afinal você já estava dentro da competição”.

Raio x mais certeiro, impossível.

Automaticamente, Bruna se juntou ao time de Lulu Santos.

Veja fotos da apresentação de Bruna clicando aqui.

Clique aqui e veja a apresentação de Bruna Borges.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *