Executivo 6:55

Morre em São Paulo o cantor e ex-vereador Pinto do Acordeon

Artista Estava internado desde janeiro e faleceu vítima de um câncer

Pinto do Acordeon tinha 72 anos e estava internado desde janeiro. Foto: Rafael Passos/Secom-JP

O cantor e ex-vereador de João Pessoa, Pinto do Acordeon, morreu na madrugada desta terça-feira (21), em São Paulo. Ele estava internado desde janeiro e faleceu vítima de um câncer. A morte foi confirmada pela família. O corpo chega ainda nesta terça-feira em João Pessoa e será velado no cemitério Parque das Acácias, no bairro do José Américo, a partir das 16h. O enterro, no entanto, será em Patos, no Sertão, nesta quarta.

Francisco Ferreira Lima ou simplesmente Pinto do Acordeon nasceu em Conceição, no Sertão paraibano, e tinha 72 anos. Ele era amigo de infância da cantora Elba Ramalho. Os dois se apresentaram juntos, em 2014, em João Pessoa, quando Pinto foi homenageado no São João promovido pela prefeitura.

Pinto foi vereador de João Pessoa entre 1993 e 1997. Neste período, legou boas histórias para o anedotário político da capital, contadas por ele sempre com grande humor. Mas foi na música que ele deixou o melhor bocado da sua passagem por este mundo. Ele ficou conhecido quando fazia parte das apresentações da trupe de Luiz Gonzaga.

Gravou seu primeiro LP em 1976 e na atualidade detém em torno de vinte álbuns gravados em seu nome (entre CDs e LPs), já tendo composto músicas para Elba Ramalho, Genival Lacerda, Dominguinhos, Fagner, Os 3 do Nordeste e Trio Nordestino. Um de seus sucessos, “Neném Mulher”, ficou consagrada na voz de Elba Ramalho e foi tema da telenovela Tieta.

Mais Notícias

Comente
O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados com *