Executivo 14:27

Vereadores de João Pessoa discutem reajuste de salários para quase R$ 19 mil

Salário pago ao presidente da Câmara será de R$ 28,4 mil, caso projeto de lei seja aprovado na Casa

Projeto de autoria da Mesa Diretora foi apresentado no ano passado. Foto: Olenildo Nascimento/CMJP

Em meio à pandemia do novo Coronavírus, um projeto tramita na Câmara Municipal de João Pessoa com discussão sobre o reajuste dos salários pagos aos vereadores. Eles têm até este ano para reajustar os subsídios que valerão entre 2021 e 2025. O Projeto de Lei Complementar de autoria da mesa diretora prevê a elevação dos subsídios dos parlamentares dos atuais R$ 15 mil para R$ 18.991.

O salário do futuro presidente da Câmara dos Vereadores, que assumirá o cargo a partir de fevereiro do próximo ano será de R$ 28,4 mil. Esta é a segunda vez que os vereadores da capital tentam o reajuste dos próprios salários. Da última vez, em 2016, ano da última eleição, os parlamentares decidiram manter os salários congelados por causa da crise econômica.

As pressões para que os valores atuais sejam mantidos são gigantescas. Só para se ter uma ideia do impacto disso, o projeto foi apresentado em 26 de dezembro do ano passado, já sob o comando do atual presidente, João Corujinha (Progressistas). Desde então, a proposta dorme nas gavetas da Câmara. Vale lembrar que os reajustes só podem ocorrer a cada quatro anos, de uma legislatura para a outra.

Outras cidades

Em várias cidades paraibanas, os vereadores já reajustaram os próprios salários. O último caso conhecido foi o de Sousa, no Sertão. Lá, os salários do prefeito passarão de R$ 19,5 mil. O vice terá remuneração de R$ 9,9 mil, Os secretários municipais de R$ 7,9 mil e os vereadores de R$ 10 mil.

A maior proporção é de Guarabira. Lá, o salário de prefeito será de R$ 25 mil, valor superior ao do governador do Estado, que é de R$ 23,5 mil. Depois dele, vem o do vice, de R$ 12,5 mil; secretários, R$ 7,5 mil, e vereadores, R$ 10 mil.

Em Piancó, o salários do prefeito será de R$ 15 mil, seguido do vice, com R$ 7,5 mil; secretários municipais, R$ 4 mil, e vereadores da cidade, com o recebimento de R$ 4 mil. Em Passagem, o salário do prefeito será de R$ 12 mil, seguido do vice, com o recebimento de R$ 6 mil, e os vereadores com salário de R$ 5 mil.

Mais Notícias

COMENTÁRIOS

  1. Avatar for Suetoni
    Marcos Jose Martins Verissmo

    Isso é um Absurdo um Bando de Sangue Suga com o Dinheiro Público!!! Vamos anotar os nomes desses indivíduos e colocar nas Redes Sociais!!! Eles não valem o que comem !!!

  2. Avatar for Suetoni
    Fabio

    Brasil é um país Semi-Comunista pela monstruosa carga tributaria e semi-monarquista pelos privilégios pagos com nossos impostos. Ninguém aguenta mais.

  3. Avatar for Suetoni
    Marcio ramos

    agora amparar o cidadão fecham os olhos. uma fila de candidatos a miseráveis ae agiganta enquanto os nobres ae debruçam sobre aumento dis próprios salários.um escárnio para o cidadão q perdeu trabalho e renda que esta desesperado para levar comida pra casa e o sustento básico. mais foi assim que sempre agiram nas sombras deixando sem educação dignapra poder discernir tamanha covardia.o que conforta é que existe uma justiça do universo q chamo de Deus que na hora certa cobrará a conta.ate quando esperar a plebe ajoelhar esperando ajuda de Deus.com tanta riqueza por ai onde que esta cadê minha fração. plebe rude

  4. Avatar for Suetoni
    Fragoso

    São uns parasitas inúteis.

Comente
O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados com *