Golpistas usam nome do presidente do TCE para tirar dinheiro de prefeitos

Golpes são aplicados com o uso de aplicativos de compartilhamento de mensagens

Golpistas agem com o uso de aplicativos nas redes sociais. Foto: Divulgação/TCE

Pelo menos 16 prefeitos paraibanos foram alvos de golpistas que usaram o nome do presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Arnóbio Viana, para pedir dinheiro. O órgão lançou um alerta para os gestores nesta semana, alegando que os pedidos tratam-se de golpe. Ao todo, foram registradas 10 ocorrências no ano passado e seis neste ano.

O caso passou a ser investigado pelo delegado de Defraudações e Falsificações de João Pessoa, Gustavo Carletto, após a denúncia. De acordo com o apurado pelo blog junto à assessoria de imprensa do Tribunal, o grupo  tem ligado para os prefeitos por meio do WhatsApp. Eles usam foto de Viana, mas o número não é o mesmo do presidente.

Os golpistas, então, se identificam como presidente do Tribunal de Contas e pedem ajuda para socorrer um filho que está em viagem. Eles pedem para que seja feito um depósito em conta específica. Alguns prefeitos chegaram a cair no “conto do vigário”.

“Trata-se de golpe perpetrado por criminosos de alta periculosidade, o que demanda a apuração rigorosa dos fatos”, disse em ofício encaminhado ao secretário de Segurança, Jean Nunes, o conselheiro Arnóbio Viana. O dirigente do TCE tem orientado aos prefeitos lesados que eles procurem a polícia.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *