“Pés de Barro”: em novo vídeo, prefeito afastado aparece recebendo dinheiro

Empresário apresentou aos investigadores vídeo no qual o prefeito recebe sacola com dinheiro

Um novo vídeo relacionado à operação Pés de Barro, da Polícia Federal, complica a situação do prefeito de Uiraúna, João Bosco (PSDB). O gestor foi afastado do cargo na primeira fase da operação, em dezembro. Nas imagens, ele é esperado pelo empresário George Coelho, da Coenco, em um quarto de hotel. O gestor entra, os dois conversam sentados em uma campa, e o Bosco pega a sacola onde antes o empresário responsável pela construção da Adutora de Capivara havia posto um maço de dinheiro.

As imagens foram feitas pelo próprio empresário, com autorização da Justiça. Na TV, na hora da conversa entre os dois, passava reportagem sobre o cumprimento de mandados de busca e apreensão em endereços do líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), ocorrida no ano passado. Operação da Polícia Federal investiga o pagamento de propina nas obras da Adutora Capivara, no Sertão do Estado.

Além do prefeito, é investigado na operação o deputado federal Wilson Santiago (PTB). Em decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal, Celso de Mello, tornada pública nesta quinta-feira (17), os dois tiveram bens bloqueados pela Justiça. Parentes dos suspeitos também foram alvos da decisão. Todos negam envolvimento no suposto recebimento de propina relacionado à obra.

3 comentários - “Pés de Barro”: em novo vídeo, prefeito afastado aparece recebendo dinheiro

  1. Ôh eminente Jornalista Suetoni Salvo equívoco meu, li num dos sites de nossa terra uma matéria em que o Ministro Marco Aurélio do (STF) mandou um processo-crime oriundo da Operação Calvário da Paraíba para a Justiça Eleitoral. O mesmo imbróglio descoberto pelo GAECO que desvendou a ORCRIM comandada pelo ex Xerife dos tabajaras, o Farmacêutico Ricardo Coutinho, atualmente ou temporariamente morando como anônimo no modesto bairro de Imbiribeira, da Veneza brasileira, Recife. E, o mais engraçado, segundo comenta-se adquiriu do dia pra noite um medo danado voar em Avião para não ser reconhecido e assim sofrer bullying no interior da aeronave. O que vc acha? Será que se ficar na Justiça Eleitoral para decidir esse mega assalto à Paraíba, a Douta Corte Eleitoral, dessa vez, será BEM DIFERENTE, como diria a música da saudosa intérprete Núbia Lafayete,

  2. Caro Suetoni,
    Acabei de ver a reportagem da obra inacabada da Rodoviária de Uiraúna, com uma soma alarmante sendo gasta e que sequer foi terminada. O Sr. Prefeito roubou o dinheiro da obra e não a terminou durante oito anos. Agora nós perguntamos: Onde estavam os Vereadores da Cidade Paraibana de UIRAÚNA, no glorioso sertão paraibano que assistiram a tudo isso anestesiados? Será que estavam comendo este dinheiro junto com o Sr. Prefeito? Se estavam, que o Ministério Público apure e além de fazer a denúncia, que os façam devolver o dinheiro público ao seu lugar e por terminar, os coloque por trás das grades, que é o lugar correto para residirem por um longo tempo.
    OBS: Seria possível que o nobre jornalista fizesse uma depuração deste caso? e o tornasse público em sua Coluna?

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *