Galdino exonera todos servidores comissionados da Assembleia

Ato assinado pelo presidente da Casa tem efeitos retroativos ao 1° de fevereiro

Adriano Galdino diz que os critérios para o preenchimento dos cargos ainda estão sendo discutidos. Foto: Divulgação/ALPB

O presidente da Assembléia Legislativa, Adriano Galdino (PSB), determinou a exoneração de todos os servidores comissionados da Casa. O ato foi publicado no Diário do Poder Legislativo (DPL) desta segunda-feira (4), com efeito retroativo ao dia 1° deste mês. A medida retira do cargo os profissionais nomeados pelo antecessor, Gervásio Maia (PSB). O parlamentar não divulgou, ainda, quantos servidores terão que deixar o cargo. A Assembleia, historicamente, não divulga corretamente os dados referentes às contratações, como o exigido de todos os órgãos públicos.

Em conversa com o blog, Galdino disse que a transparência será uma prioridade do seu governo. Ele promete, a partir de agora, dar transparência a todas as contratações e gastos do Legislativo. “Essa vai ser uma das minhas prioridades”, ressaltou o parlamentar, que foi eleito para comandar o Poder nos dois biênios. A publicação desta terça traz ainda a devolução dos servidores de outros órgãos que prestam serviço na Assembleia Legislativa.

Em relação aos cargos em aberto, bem como o número de exonerados, Galdino diz que os dados ainda estão sendo analisados.

Reprodução

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *