Tribunal de Contas instaura auditoria especial para investigar o “Programa Gol de Placa”

Denúncias recentes mostraram que clubes estariam incluindo torcedores “fantasmas” nos balancetes para ganhar mais dinheiro público

Tribunal de Contas do Estado analisa dados do programa. Foto: Divulgação/TCE-PB

O Tribunal de Contas do Estado da Paraíba, anunciou nesta quinta-feira (24), que vai realizar uma auditoria especial no “Programa Gol de Placa” , da Secretaria de Estado da Juventude Esporte e Lazer, para apurar a eventual existência de irregularidades, conforme matérias veiculadas nos diversos meios de comunicação.

A formalização do processo foi autorizada pelo presidente do TCE-PB, conselheiro André Carlo Torres Pontes. O processo de inspeção especial, de número 01224/19, vai avaliar todo período que for necessário.

“Como somos um órgão de fiscalização temos que esclarecer a questão, sem fazer nenhum pre-julgamento. O TCE-PB vai também apurar de quem é a responsabilidade”, garantiu o diretor de Auditoria e Fiscalização do Tribunal de Contas da Paraíba, Francisco Lins Barreto.

O Gol de Placa foi criado para incentivar os torcedores a comparecerem a jogos no Estado da Paraíba e ajudar a financiar os clubes. Pelas regras do programa, os torcedores podem trocar notas fiscais por entradas para as partidas. O valor das entradas é pago aos clubes por uma empresa, que, em troca, recebe desconto do governo no pagamento de ICMS.

A coordenação dos trabalhos de inspeção especial no “Programa Gol de Placa”, ficará a cargo da chefe do Departamento de Acompanhamento da Gestão Estadual , Maria Zaira Chagas Guerra.

Da Assessoria do TCE

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *