Prefeito e ex-procuradores são agraciados com medalha

Comenda foi criada em 2010 e será entregue pela primeira vez nesta quinta-feira

O prefeito Luciano Cartaxo será um dos homenageados no evento. Foto: Divulgação

A lei que criou a comenda não é nova, mas os efeitos dela, sim. Serão agraciados com a medalha do mérito Advogado Paulo Américo Maia de Vasconcelos, nesta quinta-feira (8), quatro autoridades, entre juristas e políticos. A honraria foi criada em 2010, mas apenas neste ano houve definição pelo Conselho Superior da Procuradoria de agraciados por ela. O procurador-geral do Município, Adelmar Régis, explica que a homenagem é feita às pessoas que deram grande contribuição para a procuradoria. A entrega da comenda ocorre a partir das 17h, na Estação das Artes, em João Pessoa.

Entre os agraciados deste ano estão o jurista Joás de Brito Pereira (in memoriam), pai do atual presidente do Tribunal de Justiça, Joás de Brito; os ex-procuradores do município, Geilson Salomão Leite e Rodrigo Nóbrega Farias, além do prefeito Luciano Cartaxo (PV). Ouvido pelo blog, Rodrigo Farias se disse honrado com a homenagem e lembrou ter sido no período em que ele comandou a pasta que se deu a contratação dos procuradores concursados. “Foi um fato histórico para a instituição”, ressaltou.

Durante o evento haverá também o lançamento da 7ª edição da revista jurídica da Procuradoria-Geral do Município (PGM). A revista da Procuradoria do Município de João Pessoa tem como objetivo a promoção e o incentivo ao debate técnico, científico e acadêmico das matérias de interesse do Município, relacionadas com a atuação institucional da PGM de representação judicial e extrajudicial do Município de João Pessoa.

O exame e seleção do material, tanto de artigos científicos, técnicos e acadêmicos, quanto de pareceres e comentários de jurisprudência, foram realizadas com base nas diretrizes do Regulamento da Revista em deliberação do Conselho Editorial da Revista, sob coordenação do Centro de Estudo “Grimaldi Gonçalves Dantas”. O procurador-chefe do Centro de Estudos, Alex Maia, destaca que a revista é uma proposta de grande importância. “A revista representa um verdadeiro estímulo aos agentes públicos para pesquisa, discussão e descoberta do Direito Público. Também pretendemos compartilhar o saber jurídico e o trabalho desenvolvido nas atividades diárias na PGM”, ressaltou.

 

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *