Morre o deputado federal Rômulo Gouveia vítima de um infarto fulminante

Parlamentar foi vereador, deputado estadual, vice-governador e havia retornado à Câmara dos Deputados em 2015

Rômulo Gouveia (PSD) fez uma cirurgia bariátrica no ano passado com o objetivo de perder peso. Foto: Divulgação

O deputado federal Rômulo Gouveia (PSD) morreu na noite deste sábado (12) vítima de um infarto fulminante. O parlamentar ficou internado por uma semana no Hospital Santa Clara em decorrência de uma infecção urinária. Ele recebeu alta médica momentos antes de passar mal e foi socorrido em seguida para o Hospital Antônio Targino, já em decorrência do infarto. O velório do presidente estadual do PSD acontece a partir da tarde deste domingo, no cemitério Campo da Paz, e o sepultamento na tarde desta segunda-feira (14). A sigla divulgou nota de falecimento na manhã deste domingo.

Rômulo foi vereador de Campina Grande, presidente da Câmara, deputado estadual e presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, vice-governador da Paraíba e atualmente era o quarto-secretário da Câmara Federal, tendo recebido a maior votação para ocupar um cargo da Mesa Diretora na história do Congresso Nacional. Na classe política, era conhecido pelo caráter afável e negociador. Ele também tentou, sem sucesso, a eleição para prefeito de Campina Grande. De origem humilde, militou no agrupamento político do senador Cássio Cunha Lima (PSDB). Momentos antes de morrer, Rômulo gravou vídeo e divulgou nas redes sociais.

Confira:

O parlamentar era filho de José Antônio de Gouveia e Berenice de Almeida Gouveia. Rômulo era casado com a pedagoga e ex-deputada estadual Eva Gouveia. Ele também era pai de quatro filhos: Robson, Lucas, Pablo e Rômulo Filho. O deputado fez uma cirurgia bariátrica no ano passado, quando chegou a se afastar das atividades na Câmara dos Deputados por um curto período de tempo. Em contato com o blog, na época, usou de bom humor para falar do assunto. “Vou tentar diminuir um pesinho. Meus meninos fizeram também e eu vou fazer no sábado, agora, dia 29”, ressaltou Rômulo Gouveia.

Rômulo Gouveia tinha 53 anos de idade, foi administrador, bacharel em Direito e funcionário público, foi presidente SAB (Sociedade de Amigos de Bairro) do Jardim Tavares em Campina Grande e da UCES (União Campinense de Equipes Sociais). Em 1989 foi convidado para ocupar o cargo de coordenador da Merenda Escolar da 3ª Região de Ensino em Campina Grande, depois, Diretor Regional da Companhia Estadual de Habitação Popular em 1991, até entrar na política em 1992 quando foi eleito vereador.

Com a morte e Rômulo Gouveia, o suplente Marcondes Gadelha (PSC) assumirá o cargo em definitivo.

Notas de Pesar:

Governo do Estado

O Governo do Estado da Paraíba lamenta, com profundo pesar, o falecimento do deputado federal Rômulo Gouveia, presidente estadual do PSD da Paraíba, ocorrido na madrugada deste domingo (13), em Campina Grande. O governador Ricardo Coutinho anunciou decreto de luto oficial de três dias em razão do falecimento do ex-vice-governador.

Com uma trajetória política pautada pela cordialidade e espírito público, Rômulo ocupou vários cargos públicos, como vereador, deputado estadual e vice-governador da Paraíba (2011-2014), no primeiro mandato do governador Ricardo Coutinho.

O falecimento de Rômulo Gouveia deixa uma imensa lacuna na política do Estado e enluta os cidadãos e cidadãs de Campina Grande e de toda Paraíba.

Em nome de toda a Paraíba, o Governo do Estado manifesta o mais profundo sentimento de pesar e solidariedade à família pela perda irreparável.

Nossos sinceros sentimentos.

 

Prefeitura de João Pessoa

Neste domingo, a Paraíba amanheceu de luto. O falecimento prematuro do deputado federal Rômulo Gouveia deixa uma grande lacuna na representação do nosso estado em todo país.

Rômulo sabia como poucos unir trabalho e compromisso com as pessoas, como verdadeiro defensor dos interesses do nosso estado e de João Pessoa. Ao lado dele, estive inúmeras vezes em Brasília para tratar de projetos e ações importantes da nossa capital que hoje se tornaram realidade.

Em todas as funções que ocupou, Rômulo soube ser amigo, companheiro e, acima de tudo, um guerreiro das boas causas. Nesse momento de profundo pesar, e como uma justa homenagem ao seu legado, a Prefeitura de João Pessoa decreta luto oficial de três dias.

Ao lado de Maísa, me solidarizo com Eva Gouveia, filhos, familiares e tantos amigos que o deputado soube construir durante toda a sua vida pública. Que deus ilumine e conforte a todos.

comentários - Morre o deputado federal Rômulo Gouveia vítima de um infarto fulminante

  1. joadir da silva Disse:

    Conheci ele em 2002 quando fui candidato na mesma coligação. Bom homem, só fiquei sem compreender porque votou na reforma da previdência em que refletiu negativo em desfavor dos trabalhadores, mas acho que não foi a intenção. Deus conforte a família nesse momento.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *