Elba Ramalho gera polêmica ao postar foto do São João de Campina Grande

Artista não estará na programação do Maior São João do Mundo deste ano e fãs lamentam ausência

Reprodução/Instagram

A presença da cantora Elba Ramalho no Maior São João do Mundo sempre foi uma marca registrada de Campina Grande. Neste ano, na divulgação das atrações da festa, a ausência dela gerou lamentações dos fãs. O tema foi relembrado nesta sexta-feira (20) pela artista, em postagem em uma rede social. Ela publicou foto de apresentação ocorrida no dia 23 junho de 2012. O comentário escrito por Elba, sobre a festa, foi “São João de Campina Grande ano 2012. Podem me esquecer, mas eu vou lembrar sempre!”.  Houve reação dos fãs com apoio à cantora, que vai se apresentar no São João de Caruaru, no dia 3 de junho.

Ano passado, Elba Ramalho se envolveu em polêmica com a cantora sertaneja Marília Mendonça. A artista paraibana criticava a presença massiva dos cantores sertanejos na programação das festas nordestinas. A artista paulista rebateu as acusações. Outro cantor que estará na programação da cidade pernambucana, no mesmo dia de Elba, é Alcymar Monteiro. Ele foi outro que se envolveu na polêmica sobre a ausência de artistas nordestinos em várias das festas populares da região.

14 comentários - Elba Ramalho gera polêmica ao postar foto do São João de Campina Grande

  1. Misael Disse:

    A Elba Ramalho está coberta de razão. As regiões Centro Oeste, Sudeste e Sul defendem seus patrimônios culturais a todo custo, com suas duplas sertanejas e músicas regionais bastante caracterizadas como a gaucha.
    Quando estive em Petrolina e Juazeiro verifiquei que em Petrolina dava-se primazia à musica pernambucana e em Juazeiro ao ritmo baiano.
    Logo, a Paraiba tem o dever de brigar e defender o seu acervo cultural, que é muito belo.

  2. A Elba Ramalho está coberta de razão. As regiões Centro Oeste, Sudeste e Sul defendem seus patrimônios culturais a todo custo, com suas duplas sertanejas e músicas regionais bastante caracterizadas como a gaucha.
    Quando estive em Petrolina e Juazeiro verifiquei que em Petrolina dava-se primazia à musica pernambucana e em Juazeiro ao ritmo baiano.
    Logo, a Paraiba tem o dever de brigar e defender o seu acervo cultural, que é muito belo.

  3. Jacy Disse:

    Embora muitos não saibam ,Elba Ramalho e Alcymar Monteiro sempre foi e serão presentes no São João de Caruaru.

  4. juliana Disse:

    NÃO SEI QUEM FALA A VERDADE, SE É A ELBA, OU O PREFEITO ROMERO DE CAMPINA GRANDE; ANO PASSADO EM PLENO PALCO NO MAIOR SÃO JOÃO DO MUNDO, ELBA VEIO A SE DESPEDIR DA FESTA, E DIZENDO QUE TALVEZ AQUELA SUA APRESENTAÇÃO PODERIA SER A ÚLTIMA NAQUELE EVENTO; POR OUTRO LADO O PREFEITO ROMERO RODRIGUES DIZ EM TODA IMPRENSA QUE ELBA NÃO VEM PQ SUA AGENDA ESTÁ LOTADA PARA O MÊS DE JUNHO; MAS DEIXA CLARO QUE DEIXA A CRITÉRIO DA CANTORA A SUA DECISÃO DE VIR EM QUALQUER DATA DO MÊS DE JUNHO! * tou sentindo que o problema é o ca$hê.

  5. Helicláudio Pereira Disse:

    Precisamos, nos mobilizarmos na luta a favor das nossas origens, costumes e cultura. Elba Ramalho é um ícone da música nordestina, jamais poderia ficar fora da programação do “Maior e Melhor São João do mundo” em Campina Grande-PB. Na verdade a comissão organizadora e administrativa, agiu de forma arbitraria, censurando sua apresentação (presença). Mas, tal atitude, postura, revela quão não podemos pensar diferente, fazer uma critica, mesmo que essa seja construtiva, porque as colocações feitas pela artista tem coerência, se continuarmos apáticos a festa perderá suas características. A liberdade de pensamento, podada de maneira mais sórdida é lamentável.
    A nossa identidade cultural deve ser preservada, valorizada, com suas características e peculiaridade. A festa junina é a expressão de um povo simples, enriquecida na mais genuína forma de viver, cantar e sentir o chão, a força que vem da terra e dos céus. Vivência de uma resistência que pulsa e nos estimula a avançar. Somos nordestinos e ser nordestino é ser luta, resistência, encorajamento, perseverança, força, raça… Somos Unidos! e a voz do povo ninguém cala. É chegada a hora de não nos calarmos e pedirmos Elba, de mostrarmos quem manda na festa é o povo, no local criado para o povo.

  6. Fernando batista Disse:

    E uma pena uma cantora do naipe de Elba ramalho não participar do maior são João do mundo,concordo com ela em criticar os sertanejos pois não tem nada a ver forró tradicional com sertanejo,vejam se eles chamam algum forrozeiro pra festa de rodeios, música sertaneja é excelente mais pra são João não servi é só pra pagar milhões a quem já tem tanto.

  7. Josy Barbosa Disse:

    E ela tem razão, hoje em dia ta tudo misturado,

  8. Junior cardoso Disse:

    Isso é um absurdo. Uma artista da terra,renomada, grande intérprete musical fora dos palcos em nosso São João. Onde realmente estão abrindo espaço para artistas sertanejos. São João é forró, esse é o grande elo da cultura nordestina

  9. Edna Quemel Disse:

    Tem q priorizar a Música Nordestina! Afinal é a época de se cantar o Forró o xaxado o xote.
    A música sertaneja já tem seu espaço no dia a dia. São João tem q ter a música Raiz.
    Uma Paraense a favor da Tradição

  10. Severino Disse:

    É lamentável isso, a Elba é a rainha dos nordestinos e, por ser paraibana, jamais deveria está fora de um evento tão grandioso desse” o São João de Campina Grande”.

  11. Robério Disse:

    Elba Ramalho é fruto da árvore genealógica da autêntica música universal, isto por se só basta, quanta a ela participar do São João de seu estado natal, não vejo como algo que desqualifuque a nesma, Elba é eterna e maioe5que qualquer rancor político.

  12. André Ricardo Disse:

    É triste ver o São João de Campina sem Elba Ramalho, é como ver o carnaval de Salvador sem Ivete, sem Daniela Mercury, sem Bell Marquês…eu sou a favor da tradição, gente os sertanejos fazem seus shows, enchem o bolso e dão um tchau… eles não estão preocupados com história, com tradição, com cultura não… isso que fizeram com Elba não tem perdão. Eu se fosse Elba não pisava mais meus pés em Campina Grande. Enquanto o Brasil ama Elba, a sua terra natal cospe na cara.

  13. Felipe Disse:

    Elba aqui em Caruaru será no sábado de abertura dia 2 de junho.

  14. Valdo Moraes. Disse:

    Infelizmente, nunca tive a felicidade de estar presente nos festejos juninos nem de Campina Grande nem de Caruaru. Porém, confesso que hoje, já não tenho mais aquele desejo que tinha, exatamente pela perca da tradição. Muita música que não tem nada a ver com os festejos juninos nordestinos, sem se falar nas famigeradas “bandas de forró”, que são verdadeiras caricaturas do autêntico ritmo nordestino. É lamentável.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *