Operação prende prefeito, cinco vereadores e mais cinco servidores Cabedelo

Os vereadores que sobraram deverão convocar suplentes para escolher quem assume interinamente a prefeitura municipal

Prefeito de Cabedelo, Leto Viana, foi um dos presos durante a operação. Foto: Reprodução/Facebook

O prefeito de Cabedelo e cinco vereadores estão entre os 11 presos durante a operação Xeque-mate, desencadeada na manhã desta terça-feira (3) em Cabedelo, na região metropolitana de João Pessoa. A ação foi desencadeada pela Polícia Federal em parceria com o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Estado. Na operação, denominada Xeque-Mate, estão sendo cumpridos 11 mandados de prisão preventiva, 15 sequestros de imóveis e 36 de busca e apreensão expedidos pelo Tribunal de Justiça da Paraíba.

Durante as investigações, ficou comprovado a participação das principais autoridades públicas do município que se beneficiavam do esquema de diversas formas. A apuração apontou um aumento patrimonial espantoso dos suspeitos, muito acima do condizente com a renda deles. Somente na aquisição de imóveis nos últimos cinco anos, verificou-se que um agente político envolvido movimentou mais de R$ 10 milhões à margem do sistema financeiro oficial.

 

Confira a lista dos presos:

1. Wellington Viana França (prefeito)
2. Jacqueline Monteiro França (vereadora e primeira-dama)
3. Lúcio José do Nascimento Araújo (vereador)
4. Tércio de Figueiredo Dornelas Filho (vereador)
5. Rosildo Pereira de Araújo Júnior – Júnior Datele (vereador)
6. Antônio Bezerra do Vale Filho (vereador)
7. Marcos Antônio Silva dos SAntos
8. Inaldo Figueiredo da Silva
9. Leila Maria Viana do Amaral
10. Gleuryston Vasconcelos Bezerra Filho
11. Adeilson Bezerra Duarte

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *