Senadores aprovam texto-base da Reforma Trabalhista

Votação ocorreu em meio a manobras da oposição para impedir a disputa no voto

Brasília – Senadoras de oposição deixam a mesa e o presidente do Senado, Eunício Oliveira, retoma a sessão para votação da reforma trabalhista (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Não adiantou a manobra posta em prática por um grupo de senadoras para impedir a votação. O Senado aprovou, por maioria de votos, o texto base da Reforma Trabalhista nesta terça-feira (11). Ao todo, 50 parlamentares votaram a favor e 26 contra. Também foi registrada uma abstenção. O PLC 38/2017 flexibiliza o texto da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT). A votação foi aberta e nominal. Enviada pelo governo ao Congresso Nacional no ano passado, o texto muda mais de 100 trechos da legislação em vigor. O projeto foi aprovado pela Câmara dos Deputados em abril.

Neste momento, os senadores votam os destaques. Se não houver mudanças mudanças em relação ao texto aprovado na Câmara, o projeto seguirá para a sanção do presidente Michel Temer.

Acompanhe a votação

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *