Em evento com Luciano Cartaxo, Lira defende aliança do PMDB com Ricardo

Prefeito, por outro lado, acredita na manutenção dos peemedebistas na oposição

Raimundo Lira diz que vai priorizar as ações junto aos prefeitos aliados. Foto: Divulgação/Senado

O senador Raimundo Lira, líder do PMDB no Senado, deu sinais de que a sigla peemedebista rumará para a terceira eleição seguida rachado. O parlamentar segue rota distinta do também senador José Maranhão e do vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Júnior. Ele quer que o partido marche, em 2018, ao lado do governador Ricardo Coutinho (PSB). As declarações foram dadas durante audiência no Tribunal de Contas do Estado para discutir a Medida Provisória 778/2017, que tramita no Senado. A proposta prevê o parcelamento das dívidas previdenciárias de estados e municípios com da Previdência Social. O evento contou com a participação do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, virtual candidato do PSD ao governo.

O PMDB, vale ressaltar, é disputado por dois blocos. De um lado, o governador Ricardo Coutinho, preferido de Raimundo Lira. Do outro, o das oposições, que tem a preferência do senador e presidente estadual do PMDB, José Maranhão. Apesar da indefinição no bloco governista sobre quem serão os candidatos, Lira demonstra otimismo em relação à composição. O partido não conseguiu construir consenso nas eleições de 2014, quando parte apoiou a reeleição de Ricardo Coutinho e a outra, a eleição de Cássio Cunha Lima. Em 2016, o partido rompeu com Ricardo e se alinhou com a oposição. No pleito de 2018, a tendência é de novo racha.

Cartaxo

Procurado pela imprensa, no mesmo evento, o prefeito Luciano Cartaxo demonstrou otimismo em relação à manutenção da aliança dos partidos de oposição. Ele garantiu que tem havido diálogo entre as principais lideranças do bloco, inclusive José Maranhão. “Acho que até abril do ano que vem essa composição estará definida. A partir daí, começarão as discussões em torno de nomes para as chapas majoritária e proporcional”, disse o prefeito. Pela parte das oposições, além dele, são lembrados os nomes do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, e do senador Cássio Cunha Lima, ambos do PSDB, além de José Maranhão, do PMDB.

3 comentários - Em evento com Luciano Cartaxo, Lira defende aliança do PMDB com Ricardo

  1. J. Cavalcanti Disse:

    Eleições 2018.
    Pessoalmente, não gosto de políticos e nem de política. Mas não posso deixar de expressar a minha opinião a respeito dos dois principais gestores do nosso estado.
    De um lado, o excelentíssimo Governador Ricardo Coutinho, homem que demonstra a que veio. É notório as suas boas obras em todo o estado da Paraiba, de Norte a Sul, do Leste ao Oeste. Sem dúvidas nenhuma, um político, um homem trabalhador. Que ao meu ver, merece minha admiração e meu respeito.
    Por outro lado, o excelentíssimo Prefeito de João Pessoa, o senhor Luciano Cartaxo, que sinceramente, com gestor público, deixa muito a desejar com suas poucas e tímidas obras.
    Dr. Luciano Cartaxo, sinceramente, o senhor ainda não mostrou a que veio.
    A Paraiba precisa de gestores corajosos, administradores que mostram serviços e nós os eleitores, estamos de observando em suas obras.
    Atenciosamente,
    J. Cavalcanti

  2. Jose Disse:

    Este Senador “””TAMPÃO”” já deveria ter aprendido que RC só faz alianças para tirar vantagens “PESSOAIS E SE PROMOVER”””.
    Qualquer mortal já percebeu, e sabe das jogadas e interesses que o socialista disponibiliza para os “aliados” que sao posteriormente Descartados”.Foi assim RECENTEMENTE com MARANHÃO E CARTAXO…………PARA TRÁS, tem dezenas de vítimas menores.

  3. JOAO PAULO MARTINS Disse:

    Voces estão brigando e esquecendo dos que estão traindo voces , Raimundo Lira , mais empresario do que politico .. esta com o TEMER… Ricardo Coutinho foi uma grata surpresa pra mim e não se vendeu ..foi corajoso e não seguiu a maioria dos politicos da Paraiba em ficar com TEMER .. se Ricardo continuar com essa postura , tera o meu voto e minha admiração

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *