Enquete: população diz não à festa e vota por ambulância em São Bento

Polêmica fez com que relativo equilíbrio caísse por terra em 24h

Enquete realizada pela prefeitura: resultado na manhã desta quinta-feira (1º) – 7h47

Não foi preciso nem 24 horas para que os ventos virassem na enquete promovida pela prefeitura de São Bento, no Sertão da Paraíba. Pressionado por todos os lados, o prefeito Jarques Lúcio (DEM) lançou uma enquete para que a população decidisse sobre a realização de uma festa ou a compra de uma ambulância. A pergunta era a seguinte: “O prefeito quer saber: com relação ao “Arraiá balançando a rede”, o que você prefere?”: “Prefiro a Festa” ou “Prefiro Transporte para a Saúde”. No primeiro momento, por pequena vantagem de votos, a opção pela festa ganhava. Depois de o assunto ganhar destaque no Jornal da Paraíba e no G1 (inclusive nacionalmente), o site chegou a sair do ar por causa dos acessos e o placar virou.

Resultado, na última contagem, 7h47 desta quinta-feira (1º), já eram quase 7 mil pessoas a favor da compra de uma ambulância e pouco mais de mil favoráveis à festa. O prefeito comemorou o resultado, ressaltando o caráter democrático da consulta. Ele explicou que depois de ouvir manifestações efusivas de pessoas a favor e contra a festa, ele decidiu fazer a enquete. O gestor revelou que vai manter a consulta até o fim da semana e, a partir daí, tomará uma decisão.

Jarques Lúcio revelou que a festa ocorre todos os anos, sempre em julho. A previsão, caso ela seja realizada, é de um custo de R$ 100 mil em três dias de festividade. O dinheiro, segundo o prefeito, seria o suficiente para comprar uma nova ambulância ou outros três veículos para atuar no transporte de pacientes de hemodiálise e fisioterapia. “Tem havido muita discussão, então achei essa uma forma interessante de delegar à população a decisão final sobre o assunto”, ressaltou o gestor. Ele achou curioso o fato de a consulta estar quase empatada. “É uma forma democrática de decidir e poderemos utilizá-la mais vezes no futuro”.

Enquete realizada pela prefeitura: resultado na tarde de quarta-feira (31) – 12h31

A cidade sertaneja possui 33.847 habitantes, segundo pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O gestor revela que num período de crise como este é preciso muito rigor na aplicação do dinheiro público. Se for para gastar com festa, que seja com a anuência da maioria. Jarques Lúcio explicou, ainda, que não há recursos federais ou estaduais destinados à realização do São João. Se houver a festa, ela será bancada com recursos do tesouro municipal.

O dinheiro arrecadado com o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), entre janeiro e abril deste ano, revela Jarques, foi utilizado para comprar veículos para a cidade. Deu para adquirir uma ambulância, duas vans e um Fiat Pálio com esse dinheiro. Todos são utilizados na área da saúde. Lúcio explicou que os cofres públicos da Prefeitura de São Bento dispõem destes R$ 100 mil e sua aplicação vai depender da vontade da população. Para quem quiser opinar, o endereço do site da prefeitura é https://www.saobento.pb.gov.br/.

comentários - Enquete: população diz não à festa e vota por ambulância em São Bento

  1. jose florentino Disse:

    parabéns prefeito, uma ideia a ser seguida.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *