Insatisfeito, Trocolli poderá trocar o Pros pelo PSB

Trócolli Júnior (C) conversa com Ricardo Coutinho e Gervásio Maia. Foto: Divulgação/Secom-PB

O deputado estadual Trócolli Júnior não esconde de ninguém o seu desconforto com a direção estadual do partido. Ele trabalhava para assumir o comando da sigla, no Estado, mas teve a movimentação engessada pela resistência de Lindolfo Pires, atual secretário de Turismo e Desenvolvimento Econômico do Estado. O auxiliar do governador Ricardo Coutinho (PSB) é o padrinho político do atual presidente do partido, Jorge Silva Coutinho. Júnior, diante do fato, tenta agora um acordo para que haja ao menos revezamento no cargo.

O primeiro passo, ele reforça, será buscar o entendimento. Caso isso não seja possível, a ruptura será inevitável. Eleito para a Assembleia Legislativa como filiado ao PMDB, Trócolli Júnior mudou de partido após a decisão dos peemedebistas de abandonarem a aliança com o governador Ricardo Coutinho (PSB). O parlamentar já tem destino caso decida deixar o Pros. “Vou conversar com a direção do PSB e saber se eles têm interesse em me ter como filiado”, disse, entre risos, o parlamentar.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *