Resgate de “louco” por bombeiros mostra que Lagoa já está assoreada

img_20161115_113715267

Fotos: Socorro e Silva

O Corpo de Bombeiros foi chamado na manhã desta terça-feira (15) para retirar um homem que se atirou e nadava na Lagoa do Parque Solon de Lucena, que passou por reforma recentemente. Como o de costume em episódios do gênero, dezenas de pessoas se aglomeraram na margem para assistir ao resgate e, muitas delas, não contiveram a estranheza ao ver que o homem ficou em pé perto do centro sem que, com isso, afundasse. A surpresa veio por conta da promessa da Prefeitura de João Pessoa de que o lago teria 3,5 metros de profundidade após a dragagem, concluída há quase dois anos.

img_20161115_113825004A prefeitura revelou que foram retiradas 200 mil toneladas de resíduos da Lagoa, dentro de um projeto para aumentar a profundidade e, entre outras coisas, impedir o lançamento de esgotos no local. O fato chamou a atenção porque o homem ficou com a água na cintura, em um local que fica a uns 40 ou 50 metros da margem. Não demorou para que postagens ganhassem as redes sociais com críticas à qualidade da obra. A revitalização custou R$ 37 milhões aos cofres públicos.

Resposta

img_20161115_113647958O secretário de Infraestrutura de João Pessoa, Cássio Andrade, garantiu que a dragagem realizada na Lagoa realmente elevou a profundidade de forma uniforme, porém, uma parte tem sofrido com o assoreamento por causa da drenagem dos bairros de Jaguaribe, Centro e Tambiá. Ele explicou que a tubulação recolhe os resíduos nestes pontos e leva para a Lagoa. Na área, antes, existia uma pequena ilha, onde ficavam as garças, fato que poderá ocorrer novamente caso não se crie uma rotina de dragagens no parque.

Andrade explicou que a única área poupada durante a dragagem foi o centro, onde fica a fonte luminosa, para não comprometer a sustentação do equipamento. Ele explicou que os resíduos são lançados na margem, nos dias de chuva, e decantam mais à frente, devido à velocidade da água. “Você pode ver, pelas fotos, que os homens do Corpo de Bombeiros nadaram até a parte mais rasa, onde o homem se encontrava”, ressaltou, lembrando que novas dragagens deverão ser feitas no futuro para manter o espelho d’água livre.

Profundidade

whatsapp-image-2016-11-15-at-21-35-37Sobre a profundidade, Cássio Andrade explica ainda que os 3,5 metros projetados inicialmente levam em consideração a parte superior da margem. Só que é preciso deduzir disso pelo menos 1,5 metros por causa da instalação do novo extravasor, responsável pela manutenção do nível da Lagoa mesmo em dias de chuva. Com isso, a profundidade média passa a ser de 2 metros, com exceção do banco de areia que se formou por causa do acúmulo de resíduos trazidos pelas galerias pluviais.

comentários - Resgate de “louco” por bombeiros mostra que Lagoa já está assoreada

  1. É incrível como não existe fiscalização por parte dos órgãos competentes nas ações da prefeitura de João Pessoa. Vejo que todas as obras são tocadas a base de maquiagem!! Nós não sabemos a quem recorrer….É um absurdo como a política é suja!! Infelizmente não podemos acabar com essa CLASSE MISERÁVEL.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *