Exoneração de Célio Alves é publicada no Diário Oficial

celio-alvesA edição desta quarta-feira  (26) do Diário Oficial do Estado traz a exoneração do secretário executivo de Comunicação, Célio Alves. O auxiliar do governador Ricardo Coutinho (PSB) entregou o cargo na semana passada, depois de se tornar pública uma suposta agressão à ex-namorada, uma adolescente de 16 anos.

O episódio foi marcado também por notas de repúdio e cobranças de investigação feitas pela Comissão de Direitos das Mulheres da Assembleia Legislativa e pela Secretaria Estadual da Mulher. Alves alega que a jovem o agrediu fisicamente e provocou destruição no seu apartamento depois que ele decidiu acabar com a relação amorosa, que já durava dez meses.

O caso será investigado pela polícia. Célio alega que ele mesmo fez as gravações para servir de prova a seu favor. Em nota, tanto a comissão da Assembleia quanto a secretaria responsável no Estado alegam que houve, no mínimo, agressão psicológica. Em entrevistas concedidas a rádios da capital a jovem acusou Célio de agressões física e psicológica.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *