Câmara de João Pessoa não votou praticamente nada desde agosto

Durval Ferreira durante sessão na Câmara. Crédito: Olenildo Nascimento

Durval Ferreira durante sessão na Câmara. Crédito: Olenildo Nascimento

Os vereadores de João Pessoa estão às voltas com a discussão sobre quem vai presidir a Câmara Municipal neste ano. O atual presidente, Durval Ferreira (PP), divide o favoritismo com o vereador Marcos Vinícius (PSDB) na corrida pela sucessão. Na Casa, desde o fechamento das urnas, poucas coisas, literalmente, preocupam tanto os parlamentares. Sabe o pior? Desde agosto apenas dois projetos de lei ordinária foram votados no Legislativo e, pasmem, os dois destinados à denominação de ruas. As informações são do Sistema de Apoio ao Processo Legislativo (SAPL) da Casa.

E não é por falta do que votar, não. Só de projetos de lei ordinária tramitam 1.246 matérias na Câmara Municipal. É certo que muitos deles devem se resumir a denominações de ruas, mas tem muito o que ser apreciado ainda. O levantamento feito pelo blog levou em conta as matérias votadas em plenário do dia 1º de agosto à data de hoje. Não houve nem a exigência de que elas fossem aprovadas. O fato é que os números comprovam que os parlamentares trabalharam muito pouco enquanto estavam em busca de votos no período eleitoral.

Sabe quantos projetos de resolução foram aprovados na Casa neste período? Nenhum. Não houve aprovação também de leis complementares. Já dos projetos de decreto legislativo, seis foram aprovados, todos para a concessão de honrarias. Mas se tem uma coisa que se vota com força na Câmara Municipal de João Pessoa e não foi diferente durante o período eleitoral, essa coisa é requerimento. Foram referendados pelos vereadores nada menos que 746 requerimentos nas sessões promovidas pela Casa neste período. Ou seja, a votação de projetos na Casa não ocupa, nem de longe, a preocupação dos vereadores.

2 comentários - Câmara de João Pessoa não votou praticamente nada desde agosto

  1. eduardo fontinele Disse:

    E teve alguns que ainda reclamaram porque não foram reeleitos, espero que na nova legislatura este cenário não se repita, e o nível da casa se eleve.

  2. Alexandre Tavares de Souza Disse:

    Como eles são eficientes…

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *