PMDB bate o martelo sobre aliança com Cartaxo nesta sexta

ze-maranhaoO PMDB baterá o martelo nesta sexta-feira (29) sobre a aliança com o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), que se prepara para concorrer à reeleição. O partido está com um pé na aliança, mas faz charminho para não melindrar de vez o governador Ricardo Coutinho (PSB). O socialista pressiona os peemedebistas para que eles componham a chapa majoritária da pré-candidata do partido, Cida Ramos, afilhada política de Coutinho. O senador José Maranhão, presidente estadual da sigla peemedebista, não faz mistério ao comentar a disposição da Executiva Estadual de manter a decisão tomada pela Municipal, comandada pelo ex-deputado federal Manoel Júnior. O PMDB faz convenção no sábado, quando referendará a decisão da Executiva.

Nesta quinta-feira (28), durante evento com a participação do ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, em João Pessoa, Maranhão demonstrou irritação com declarações de Cida Ramos nas quais dizia ainda confiava que a “ala progressista” do PMDB viabilizaria o apoio da sigla a ela. “Então ela está falando de todo o partido. Não existe uma ala progressista e outra não”, ressaltou. No curso das discussões, vários peemedebistas apresentaram o nome como opção para vice. A lista dos lembrados inclui Roosevelt Vitta, Nadja Palito, Neto Franca e o deputado federal Manoel Júnior, que figura na lista dos favoritos para ocupar o posto na chapa majoritária de Cartaxo. A convenção do PSD está marcada para o dia 4 de agosto.

 

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *