Sem data-base, servidores do Estado ameaçam paralisar atividades

Estava previsto. No fim do ano, o governador Ricardo Coutinho (PSB) disse em entrevista ao Jornal da Paraíba que não teria como falar em reajuste para os servidores estaduais antes de observar as arrecadações nos primeiros três meses do ano. Chegamos em janeiro e a discussão sobre reajuste ainda não começou, justamente por causa do arrocho na economia. O resultado é que algumas categorias já começam a mobilização para pressionar o governo. Os servidores da Fundac discutem a paralisação das atividades na próxima quarta-feira (13), enquanto que o Fórum de Servidores quer se reunir com o governador Ricardo Coutinho (PSB).

Os funcionários da Fundação de Desenvolvimento da Criança e do Adolescente (Fundac) vão se reunir na quarta a partir das 14h, em assembléia geral, quando decidirão sobre um dia de paralisação de advertência. Eles protestam contra a indefinição em relação à aprovação do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração da categoria, bem como em relação ao reajuste referente a data-base dos trabalhadores. De acordo com a presidente do Sindicato, Lúcia Brandão, além de se definir uma data para a paralisação de advertência de 24 horas será apresentado ainda para avaliação e aprovação dos associados, o Plano de Ações e Luta para o ano de 2016, elaborado pela entidade sindical.

As entidades do Fórum dos Servidores protocolaram nesta segunda-feira (11) nova solicitação de audiência com o governador para discutir o reajuste das categorias, em face da data-base. As entidades salientam que as perdas salariais já ultrapassam os 30%, o que vem gerando um desestímulo entre os servidores e, consequentemente, queda na qualidade dos serviços prestados à sociedade. Em reunião, os servidores avaliaram os números das finanças do Estado que desmistificam o discurso do governo acerca da falta de recursos. “Há dinheiro, porém está sendo mal gerido, haja vista despesas excessivas com comissionados, prestadores de serviços e ‘codificados, que podem ultrapassar os R$ 600 milhões”, afirmam os integrantes do Fórum.

6 comentários - Sem data-base, servidores do Estado ameaçam paralisar atividades

  1. ricardo Disse:

    Não tem dinheiro para dar um aumento digno aos servidores,porém,querem a criação do TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS,então,de onde vem os recursos para à criação deste tribunal já que alegam crise econômica e queda na arrecadação?o estado é um verdadeiro cabide de empregos,muitos cargos comissionados,prestadores e codificados,vários sem á menor qualificação e o senhor governador não ver isso.

  2. gislene leal Disse:

    Lamentável! Porém, confio na competência administrativa do nosso Governador.

  3. odenilson medeiros (vice pres.Aplp). Disse:

    O Mec precisa divulgar o indice de reajuste do Piso dos Professores,aAPLP espera o indice oficial para desencadear a Campanha Salarial 2016 e a cobrança da revisão do nosso PCCR,até o momento o Governador Ricardnão acenou com nenhuma proposta para o magistério,mesmo sabendo que nossa data base é janeiro.Pátria Educatora.

  4. MEUS QUERIDO ESTE E ESTADO democratico de direito,o executivo, decide o q que e de seu interesse, leis, prerrogativas, podendo recorrer, quando for necessario, lutar contra o puder publico aqui na pb, e nadar contra a correnteza que so leva ao oceano, ah no tempo dos desembargadores , como o dr, arquimedes souto maior, e os seus pares da quela epoca, ai sim o direito, a lei era cumprido pelos poderes institucionais, da republica , se e direito por ele nao cumpri, e nem quem tem as prerrogativas de cumprimento da lei, nao funciona para a vossa excelencia dr ricardo vieira coutinho, isto e estado democratico de direito ,ou ESTADO DE ESTADO, SOB O COMANDO DO MEU EU, AH VÇ ENTENDEU , MAIS , isso e o sistema de governancia, seja republica , parlamentarismo, monarco, ou militar, seria se fosse o general geisel ou joao batista de fiqueiredo, estaria assim na pb, ou no brasil, enquanto nao se levantar homens e mulheres com visao e mente,nao corrompida, fazendo parte do poder judiciario, que e para mim , e milhares de milhares de brasileiros, fazer se cumprir, o que e de DIREITO, LEI EM VIGOR, PARA FAZER SE CUMPRIR, mas infelizmente isso e paraiba e brasil, que se levantem quardioes da justiça, que estar em lei, para o cumprimento do direito pelo poder publico, ele vai sempre dizer que nao tem real, .e ah JUSTIÇA, SO A DE DEUS.

  5. jose Disse:

    TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS, tem dinheiro,vai entender !
    Esse governo mente

  6. jose Disse:

    TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS,TEM DINHEIRO PARA ISSO ,AGORA PARA OS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS …SEI NÃO
    GOVERNO MENTE

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *