Mesmo diante do cenário adverso, petistas pretendem lançar candidato em João Pessoa

Os petistas de João Pessoa estão trabalhando para a construção de candidatura própria no ano que vem, diante de um cenário nada favorável. O partido perdeu o principal líder na capital, o prefeito Luciano Cartaxo, hoje no PSD, e ainda enfrenta o efeito danoso dos últimos escândalos nacionais envolvendo lideranças filiadas à sigla. Depois de José Dirceu, Vaccari Neto, André Vargas e José Genoino, agora um senador, Delcídio Amaral, foi preso no exercício do mandato.

Foto: Rizemberg Felipe

Foto: Rizemberg Felipe

Mesmo assim, o presidente estadual do partido, Charliton Machado, diz acreditar que “certamente o PT terá uma chapa forte e competitiva”. Os dirigentes da sigla, em João Pessoa, se reuniram na última quarta-feira. Na oportunidade, o vice-presidente da sigla, Anisio Maia, avaliou que os melhores nomes para serem trabalhados são os do deputado federal Luiz Couto, do vereador Fuba e do ex-deputado estadual Rodrigo Soares.

“Vamos trazer o PT para perto da sua militância, e lembrar o que o governo federal está fazendo pela população de João Pessoa”, enfatizou Maia. O auditório da sede do Partido dos Trabalhadores de João Pessoa foi ocupada pelos pré-candidatos a vereador e vereadora, filiados, membros da Executiva Municipal do PT de João Pessoa e da Executiva Estadual. A reunião serviu para a avaliação da conjuntura política nacional e local e os encaminhamentos para as Eleições de 2016.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *