Romário chama CBF de “ninho de ratos” e compara Marin e Del Nero a câncer

O senador Romário (PSB-RJ) ganhou o impulso que precisava para instalar a CPI da CBF no Congresso Nacional. Em um discurso duro, nesta quinta-feira (28), a partir do plenário do Senado, ele chamou de “ninho de ratos” o esquema que acoberta os dirigentes “corruptos” do futebol brasileiro. Ele usou a prisão do ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), José Maria Marin, ocorrida na Suíça, para ilustrar os desmandos no país e conseguir as assinaturas necessárias à instalação.

Romário lembrou ainda que foi Marin que esteve ao lado da presidente Dilma Rousseff (PT) recebendo as autoridades e delegações durante a Copa do Mundo no Brasil, no ano passado, o que, segundo ele, envergonha o país. Romário não poupou o atual presidente da CBF, Marco Polo Del Nero. Ele disse que as prisões foi um grande alento para os que amam o esporte. O socialista entrou, sem sucesso, instalar CPI com igual teor quando era deputado federal.

Confira o vídeo.

comentários - Romário chama CBF de “ninho de ratos” e compara Marin e Del Nero a câncer

  1. Duarte Disse:

    Parece que o baixinho tem feito um bom trabalho em relação ao tema que gira em torno do futebol, em especial aos milionário do futebol. Acho desnecessário essa quantidade exorbitante de parlamentares, mas fazer o que né? Já que está lá que defenda esta causa, mesmo que custe tão caro sustentá-lo.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *