Música 7:25

Falam mal da Som Livre por causa da Globo, mas gravadora agora vendida lançou grandes discos

A Globo vendeu a Som Livre à Sony Music.

O anúncio foi feito oficialmente nesta quinta-feira (01).

A gravadora existe há 52 anos e foi criada para botar no mercado os LPs com as trilhas das novelas da Globo.

Mas também lançou excelentes discos de grandes artistas da música popular brasileira, muitos em início de carreira.

Tem, na sua criação, o nome de João Araújo, respeitado executivo da indústria do disco e pai de Cazuza.

Sempre se falou mal da Som Livre só porque ela pertencia à Globo. Mas seus críticos – conheço vários – iam nas lojas e, sim, discretamente compravam os lançamentos da gravadora e ouviam “até furar”, como se dizia na época. Ouvem ainda hoje nas reedições em CD.

Ao comprar a Som Livre, a Sony Music herda, portanto, um valioso catálogo.

O que fará com ele?

Fecho com as capas de alguns discos da Som Livre que me são muito caros.