Música Vídeos 6:08

Lennon/80: Num festival em Toronto, John e Yoko pediram ao mundo uma chance à paz

 

Começo nesta quinta-feira (01) uma série de posts sobre John Lennon.

Se estivesse vivo, o músico completaria 80 anos no dia nove de outubro.

John foi assassinado aos 40 anos em oito de dezembro de 1980, na entrada do edifício onde morava, em Nova York.

Um céu azul e uma pequena nuvem branca.

Nenhum nome.

Que capa é essa?

De quem é esse disco?

Foi o que muita gente pensou ao ver o LP nas lojas, no início de 1970.

Quem teve a curiosidade de perguntar, ficou surpreso: era um álbum ao vivo de John Lennon, embora os Beatles ainda estivessem juntos.

Live Peace in Toronto trazia o show de John, Yoko Ono e a Plastic Ono Band no Festival de Toronto, um evento pela paz mundial.

“Ladies and gentlemen! The Plastic Ono Band! John Lennon, welcome! Give peace a chance! Give peace a chance” – quase gritou o apresentador que subiu ao palco para chamar a grande atração do festival.

Lennon e seu power trio (Eric Clapton na guitarra, Alan White na bateria, Klaus Voorman no baixo) tocaram sem qualquer ensaio e não fizeram vergonha.

No lado A, um set de seis números misturou velhos rocks (Blue Suede Shoes), Beatles (Yer Blues) e novas canções de Lennon (Cold Turkey, Give Peace a Chance).

No lado B, em dois números, Yoko Ono exibiu suas experiências vocais de vanguarda acompanhada pela banda.

Live Peace in Toronto foi remixado para lançamento em CD, e a qualidade do registro ao vivo ganhou bastante em qualidade.

É um breve, mas muito interessante instantâneo do casal Lennon em seu ativismo político.