Mais Cultura 13:45

Morre Casaldáliga, o último dos bispos progressistas do Brasil

Dom Pedro Casaldáliga, bispo emérito de São Félix do Araguaia, morreu neste sábado (08) após uma longa enfermidade. Tinha 92 anos.

Era espanhol. Veio para o Brasil em 1968 e aqui viveu por 52 anos.

Dom Pedro morre no momento em que o Brasil tem 100 mil mortos pela Covid-19.

Dom Pedro morre no momento em que a doença e o governo brasileiro ameaçam os povos indígenas, a quem  dedicou sua luta e sua vida.

Durante a ditadura militar e depois que esta terminou, o bispo foi um símbolo poderoso da defesa dos direitos humanos.

Dom Paulo Evaristo Arns, Dom Helder Câmara, Dom José Maria Pires, Dom Marcelo Carvalheira. Dom Pedro Casaldáliga era desse grupo – os bispos progressistas que aqui atuaram com firmeza e coragem nos anos do regime militar.

Um homem admirável. Um religioso a difundir os verdadeiros valores do Evangelho.

Sempre ao lado da vida, ele se vai numa hora de tantas mortes.

Era o último dos bispos progressistas do Brasil.