É uma pena que tudo aquilo tenha dado em Jair Bolsonaro!

10 de abril.

Nesta quarta-feira, faz 35 anos que, no Rio de Janeiro, foi realizado o comício da Candelária pela aprovação da emenda que restabelecia as eleições diretas para presidente.

Estavam todos lá. Ulysses, Tancredo, Lula, Brizola, Montoro – os líderes políticos unidos na luta pela redemocratização.

As diretas não passaram, mas o país se redemocratizou a partir da eleição, ainda indireta, de Tancredo/Sarney.

Sarney, Collor, Itamar, FHC, Lula, Dilma, Temer. Dois presidentes derrubados pela via do impeachment. Foi o caminho que percorremos.

Agora estamos sob Bolsonaro.

Ele será varrido. Li hoje na Folha. Quem disse foi Jorge Mautner.