Reouço velho grito de paz quando muitos ainda querem guerra

Encontro um CD raro entre os usados expostos numa loja.

Live Peace in Toronto.

Traz o show de John Lennon, Yoko Ono e a Plastic Ono Band num festival realizado em 1969.

Minha reaudição coincide com a data (20 de março) em que faz 50 anos do casamento de John e Yoko.

Live Peace in Toronto foi gravado e lançado antes da separação dos Beatles.

No lado A, há seis números com Lennon.

No lado B, dois com Yoko.

Os números de Yoko talvez possam ser classificados como rock de vanguarda. Ela grita em cima de uma base de rock.

Falo um pouco sobre as faixas de Lennon.

John e a Plastic Ono Band tocaram praticamente sem ensaio em Toronto.

Muitos desejariam uma banda como aquela: Eric Clapton na guitarra, Klaus Voorman no baixo, Alan White na bateria.

Das seis músicas, três são clássicos do rock’n’ roll: Blue Suede Shoes, Money e Dizzy Miss Lizzy.

As outras três têm a assinatura de Lennon: Yer Blues (gravada pelos Beatles em 1968) e, do início da fase solo, Cold Turkey e Give Peace a Chance.

O som é áspero.

É rock básico sem nenhum adorno nem muita conversa.

Por isso mesmo, é vigoroso. E visceral.

*****

É de 1995 a edição que ouço agora, oficial da Apple, lançada pela Capitol no mercado americano.

A captação original foi remasterizada e remixada.

A remixagem mudou sem mudar, se é que me faço entender.

Até a nota errada que Clapton dava na introdução de Dizzy Miss Lizzy desapareceu sem ser apagada (!!).

*****

Live Peace in Toronto 1969 é um estridente grito de paz.