Jesus ao Pai: leve-me agora, antes que eu mude de ideia

Leve-me agora

Antes que eu mude de ideia

O selo do compacto simples da MCA dizia:

From the opera-rock Jesus Christ Superstar, now in preparation.

No lado A, Superstar, na voz de Murray Head.

No lado B, John 19:41, com orquestra sinfônica.

Foi assim que tive acesso a Jesus Christ Superstar.

Depois, o trabalho completo de Andrew Lloyd Webber e Tim Rice.

Jesus era Ian Gillan, o cantor do Deep Purple com seus incríveis falsetes.

Mais tarde, o filme.

Direção de Norman Jewison.

Ted Neeley como Jesus. Carl Anderson, Judas. Cantores maravilhosos.

O momento mais belo e forte do filme?

Gethsemane.

O Cristo no jardim das oliveiras, à espera do seu destino trágico, conversa com o Pai:

Sangre-me

Bata-me

Mate-me

Leve-me agora

Antes que eu mude de ideia