Brasileira gravou com os Beatles há 50 anos

A data é quatro de fevereiro de 1968, um domingo de inverno em Londres.

Fez 50 anos neste domingo.

A brasileira Lizzie Bravo gravou com os Beatles.

Tomemos a Ultimate Beatles Encyclopedia, organizada por Bill Harry.

Na página 120, Lizzie Bravo é verbete:

Bravo, Lizzie

A Brazilian girl, Lizzie was sixteen years and a student living in Company Gardens.

E segue a história.

No Diário dos Beatles, de Barry Miles, temos no dia quatro de fevereiro de 1968:

Duas fãs que estavam em frente a Abbey Road foram levadas para dentro do estúdio para gravar os falsetes para a banda.

O quarteto gravava Across the Universe, canção de Lennon.

The Beatles Chronicle, de Mark Lewisohn, conta em detalhes como foi a gravação.

E lá surge novamente o nome de Lizzie Bravo:

Paul did just this, selecting Lizzie Bravo, a 16-years-old from Brazil, and Gayleen Pease, 17, a Londoner. 

Não é lenda. É História, assim com H Maiúsculo.

Lizzie e Gayleen estavam na entrada do estúdio da EMI, onde os Beatles gravavam seus discos. Paul apareceu na porta e perguntou se elas sustentariam uma nota aguda. As garotas disseram que sim e foram levadas para o estúdio de número 03. Fizeram vocal em Across the Universe, num registro destinado a um disco beneficente. Lizzie cantou com o rosto colado em John, no mesmo microfone.

Em 1982, nos 20 anos de Love Me Do, a própria Lizzie contou essa história incrível num LP promocional distribuído no Brasil.

Lizzie Bravo, a única brasileira que gravou com os Beatles.

Na volta ao Brasil, foi casada com o compositor Zé Rodrix.

Lizzie e Rodrix tiveram uma filha: Marya Bravo, vigorosa cantora.

Os fãs brasileiros dos Beatles reverenciam Lizzie Bravo!