Música 6:27

Lucy Alves! Polêmica? Que polêmica?

Escrevi meia dúzia de palavras sobre Caçadora, o single de Lucy Alves. Falei do grande talento dela. Disse que torço pelo seu sucesso. Mas deixei claro que não gostei do novo trabalho. Apenas isso. Não fui deselegante, nem agressivo. Agi dentro das regras do meu ofício.

Gerou polêmica nas redes sociais! E comentários agressivos de gente que fala mal mas continua buscando espaço na mídia!

Que bobagem!

Como estamos idiotizados pelas redes sociais!

Faço alguns registros:

Um dos muitos textos que li dizia que o crítico não viu o beijo lésbico. Claro que eu vi! Sabem porque não me referi a ele? Porque, para mim, todos os beijos são iguais. Homem com homem, mulher com mulher, homem com mulher. Tanto faz!

Alguém disse que a letra empodera as mulheres. Que é feminista. Será? Vamos reduzir o feminismo de tantas e imprescindíveis lutas a isso que Lucy está cantando?

Uma graça ver o underground de boutique da cena cultural pessoense defendendo a indústria do disco e seus produtos!

Nazicult? O que é nazicult? Quem é nazicult?

Paraibanidade? Nenhum sentimento de paraibanidade me obriga a gostar de tudo o que é produzido na Paraíba!

Direito de fazer? Lucy Alves tem todo! Não vou botar o disco dela no meu acervo simplesmente porque não vou ouvir, mas espero, sinceramente, que faça sucesso!

E que ela possa fazer coisas imensamente melhores. À altura do seu extraordinário talento.