Carnaval do Fora Temer dá saudade do carnaval de Itamar!

O governo Collor se tornou inviável em 1992!

Um impeachment – instrumento legal – derrubou o presidente. Com ou sem crime de responsabilidade!

O governo Dilma se tornou inviável em 2016!

Um impeachment – instrumento legal – derrubou a presidente. Com ou sem crime de responsabilidade!

José Eduardo Cardozo me disse que houve o crime em Collor e não houve em Dilma! OK!

O vice de Collor, Itamar Franco, assumiu e fez a transição para a eleição de Fernando Henrique Cardoso, em 1994.

O vice de Dilma, Michel Temer, está aí às voltas com impasses cujo desfecho ninguém ousa imaginar!

Lembrei de fazer essa comparação por causa do carnaval!

O carnaval de Itamar e o carnaval de Temer!

Itamar brincou nas ladeiras de Olinda! Lembram?

Itamar foi para o sambódromo e apareceu ao lado de uma modelo sem calcinha! Lembram?

Itamar podia andar na rua sem medo de ser vaiado! Lembram?

E Temer? Pobre Temer!

Nas ruas, nos blocos, a multidão grita Fora Temer! Como se fosse o maior hit desse carnaval! E é!

E nem precisa o presidente aparecer por perto para que o brado seja puxado pelo folião!

O Brasil e seus impasses sem fim!

Que venham outros carnavais!