Reitor da UEPB prevê o caos se houver novo corte no orçamento

Rangel Júnior com deputados e pró-reitores (Foto: Ascom/UEPB)

“Se nós tivermos menos do que já temos aí chegaremos a um caos administrativo e acadêmico e ninguém quer isso. Ninguém quer que a Universidade quebre”, disse ontem (27) o reitor Rangel Júnior, em Campina Grande, ao receber à tarde comitiva de deputados aos quais mostrou pressupostos e consequências da crise orçamentária e financeira que ameaça o funcionamento da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB).

LEIA MAIS