RENÚNCIA JÁ! DIRETAS JÁ?

Michel Temer (Foto: Fotos Públicas)

Por Raoni Vita

O brasileiro se acostumou a não se escandalizar com a corrupção. Algumas pessoas dizendo que “a montanha pariu um rato”. A gravação de Temer com JBS é espantosa. Meia hora de pelo menos uma dezena de crimes compartilhados e avalizados.

Vai de compra de juiz, procurador, deputado, delator, político preso comprado para não denunciar, indicações para cargos estratégicos, entrada escondida no Palácio do Jaburu tarde da noite, combinação de interlocutores para operações, informações privilegiadas dadas pelo Presidente ao empresário.

E Temer não permaneceu silente. Concordou e estimulou explicitamente tudo, de forma ativa.

Renúncia já!

Diretas já?

Tese de eleição direta (Emenda de ocasião) em caso de renúncia faz lembrar: “Ninguém respeita a Constituição, mas todos acreditam no futuro da nação”.

Sem pensar apenas no dia de hoje, mas na segurança do futuro do país, a saída correta é a que a Constituição prevê. Eleição indireta. O remédio é amargo e demora mais a surtir efeito, mas é melhor que amputar o braço.

  • Raoni Vita é Vice-Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional da Paraíba (OAB-PB)

2 Comente RENÚNCIA JÁ! DIRETAS JÁ?

  1. alberto corte real Disse:

    Ve se lembra do nossso plano Doutor? esqueçe esse ppovo rico e se lembre dos pobres do IPEP/IASS.

  2. rubens figueiredo Disse:

    A constituição não pode ser desrespeitada sempre que se mostrar em desfavor de certos grupos políticos. Havendo a renúncia, o presidente será escolhido através de eleições indiretas, como está escrito. Devemos lembrar e torcer para que “o pau que der em Francisco , também dê em chico”, pois na mesma delação da JBS há muitos implicados, inclusive o “salvador da pátria” o Senhor Lula da Silva. Deus nos livrai do PT.

Comente

Não publicamos ofensas pessoais. O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *