Pai de jovem desaparecida passa mal e é internado

Vivianny Crisley, desaparecida há 15 dias (Foto: Arquivo/Família)

Vivianny Crisley, desaparecida há 15 dias

A falta de notícias da filha, desaparecida há 15 dias, agravada por uma tensa expectativa por resultados das investigações policiais sobre o desaparecimento de Vivianny Crisley, 28 anos e mãe de uma criança de oito meses, levaram o pai da jovem a ser internado nesta terça-feira (1º), em João Pessoa.

João Salvino Filho, 69 anos, pai de Vivianny, está desde ontem na Upa do Valentina Figueiredo. “Ele está entubado. Segundo os médicos, esse quadro se deu devido às fortes emoções e à ansiedade. Os médicos orientaram a família fazer tudo para ele não se emocionar”, disse hoje (2) a consultora ambiental Wellintânia Freitas, prima da moça desaparecida.

Ela informou ainda que em meados de abril o seu tio sofreu um infarto e tornou-se uma pessoa debilitada. “Agora, devido às fortes emoções e, principalmente, à falta de informações da sua filha, ele vem tendo quedas de pressão e falta de ar”, acrescentou Wellintânia.

Viviannny foi vista pela última vez na noite do último dia 20 na danceteria e choperia Bebericos Prime, que fica na Rua Bancário Sérgio Guerra, a principal do bairro. Estava na companhia de um homem que a Polícia considera suspeito e foragido. Ele já teria sido identificado e procurado em sua residência para ser interrogado, mas não foi encontrado.

Vivianny trabalhava no comércio e estudava Recursos Humanos em uma faculdade de Natal (RN), de onde retornou há três meses para a casa dos pais, em João Pessoa. Estava procurando emprego e um curso equivalente ao que fazia no Rio Grande do Norte. No último dia 20, aceitou convite para comemorar aniversário de uma amiga, compareceu à comemoração no local indicado e sumiu.

A Polícia teve acesso a imagens de vídeo que mostrariam Vivianny com o desconhecido, que, por sua vez, faria parte um grupo de pessoas com as quais a jovem teria se entrosado durante a festa. Todas já teriam sido ouvidas pelo delegado Reinaldo Nóbrega, da Delegacia de Homicídios da Capital, que está à frente das investigações.

2 Comente Pai de jovem desaparecida passa mal e é internado

  1. Adao/ pres.prudente sp Disse:

    No mundo de hoje em que vivemos as mulhers precisam gortar mais delas é não confiar em pessoas estranhas, principalmente em amizades em primeira vista. Atualmente o ser humano está muito cruel. Muito linda a moça e uma pena.

  2. Giane Ramos Sampaio Rodrigues Disse:

    Tem horas na vida, que ficamos impossibilitados de fazer algo. Agora a família só pode contar com Deus, pedir a Deus que mostre onde ela se encontra e traga ela e talvez este rapaz que estar sumido também. que talvez ele seja vitima como ela, ninguém sabe! que traga os dois com vida de volta para Casa. O nosso Deus é o Deus dos impossíveis. Que Deus abençoe todos.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *