TCE bloqueia contas da Prefeitura de Santa Rita

Informações da gestão do prefeito Netinho não batem com o Sagres (Foto: G1 PB)

Informações da gestão do prefeito Netinho não batem com o Sagres (Foto: G1 PB)

O Tribunal de Contas da Paraíba (TCE-PB) determinou nesta segunda-feira (19) o bloqueio das contas bancárias do município de Santa Rita, após constatar inconsistências nas informações prestadas por via dos balancetes mensais, que não batem com os números apontados no sistema Sagres online, de acordo com dados levantados pela Auditoria do órgão.

O TCE realizou inspeção especial no município durante o período de janeiro a julho deste ano. Após constatar as falhas, a Auditoria ressaltou em seu relatório que a entrega dos balancetes sem números que expressem a realidade das contas públicas equivale a não cumprir com tal obrigação.

A Auditoria descobriu que de 1º de janeiro e 31 de julho a despesa municipal somou R$ 62.490.671,19, mas nos balancetes mensais enviados pela Prefeitura ao Tribunal os pagamentos totalizam R$ 59.466.858,69, ocasionando uma diferença na ordem de R$ 3 milhões.

“Em menor valor, na despesa empenhada o valor no Portal da Transparência (do município) é de R$ 79.787.348,843, enquanto que no Sagres é R$ 79.684.675,36″, destaca o relatório dos auditores.

O bloqueio decretado hoje impossibilita a movimentação das contas bancárias da Prefeitura de Santa Rita através de cheque ou de qualquer outro procedimento. São permitidos, contudo, depósitos ou transferências para aplicação financeira que preserve o poder aquisitivo dos recursos.

(com Assessoria de Comunicação do TCE-PB)

2 Comente TCE bloqueia contas da Prefeitura de Santa Rita

  1. ANAILTON FERREIRA ALVES Disse:

    Esse bloqueio pode ser usado para efetuar os pagamentos dos servidores que estão atrasados a mais de três (3) meses?Isso seria ótimo assim como se o TCE também nomeasse um interventor para o município

  2. margarida maria da silva Disse:

    esse bloqueio é necessário até que enfim depois de tantas lutas ,agora agente fica mais esperançosos concordo com um interventor .

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *