Quórum reduzido: passagem de Bolsonaro por Campina reuniu poucos apoiadores no aeroporto

Presidente passou poucos minutos em Campina e seguiu para Sertânia, em Pernambuco

Foto: G1PB

Quem já tinha ido a outras visitas do presidente Jair Bolsonaro em Campina Grande, percebeu. O número de apoiadores e simpatizantes presentes hoje foi muito menor que em outros tempos. Em sua visita ‘relâmpago’ o presidente foi recepcionado por autoridades e alguns aliados mais próximos, mas gente mesmo, povão… contava-se nos dedos.
As fotos que registraram o momento mostram isso.
Foto: g1PB

Em outubro passado, por exemplo, o quantitativo era duas ou três vezes maior. Antes de ser eleito presidente, Bolsonaro chegou a reunir milhares no João Suassuna.
Sob um forte esquema de segurança, com homens da Polícia Federal, Polícia Militar, PRF e do Exército, o presidente acenou durante alguns minutos para o público reduzido.
Talvez o ‘peso’ da gestão, os desgastes recentes com a pandemia, e outras questões mais possam explicar esse fenômeno.

Veja também  Mudança do Bolsa Família para Auxílio Brasil excluiu 57 mil famílias do Nordeste, denuncia entidade