Opinião 12:33

Lembrado por Bolsonaro, Romero é hoje o nome mais forte da oposição para 2022

Foto: Ascom

Dias atrás, ao conversar com apoiadores, o presidente Jair Bolsonaro lembrou do nome do ex-prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSD), como possível candidato das oposições na Paraíba em 2022. A lembrança, certamente, não foi despretensiosa.

Romero é hoje, entre os oposicionistas cogitados até aqui, o nome mais forte para a disputa pelo Palácio da Redenção no próximo ano.

E não por ter sido lembrado pelo presidente. Distante disso.

Ex-prefeito da segunda maior cidade do Estado e bem avaliado (do ponto de vista da gestão), Romero tem musculatura própria para ser viabilizado – até outubro do próximo ano – como candidato.

Tem também um longo caminho pela frente, é verdade… durante o qual vai precisar ampliar a sua atuação política para além do Agreste do Estado; mas é, entre os oposicionistas, o nome com maior viabilidade nesse instante.

Internamente, terá a tarefa de aglutinar potenciais concorrentes – a exemplo do deputado Pedro Cunha Lima (PSDB) e da senadora Daniella Ribeiro (Progressistas), que também surgem como possibilidades para uma disputa futura.

Com a experiência de quem elegeu no primeiro turno o seu sucessor, o ex-prefeito campinense tem sido lembrado em Brasília.

Agora o momento é de encorajar aliados e militantes da necessidade de ser lembrado, também, nos pontos mais afastados do Estado.

Romero diz estar decidido a fazer uma ‘cruzada’, de João Pessoa a Cajazeiras, até outubro de 22.

Mais Notícias

Comente
O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados com *