Política 12:41

MP investiga vacinação de prefeito antes de grupo prioritário na Paraíba

Foto: Ascom

O Ministério Público vai investigar se a fila foi ‘furada’, ou não, com a vacinação do prefeito da cidade de Pombal, Abmael Lacerda (MDB), conhecido como Doutor Verissinho. Ele foi o primeiro a ser imunizado contra a covid-19 no município e, segundo a Secretaria de Saúde do Estado, pode ter descumprido os critérios de vacinação estabelecidos pelo Ministério da Saúde.

Verissinho é médico, faz atendimentos gratuitos e tem 66 anos. Mas o Ministério Público quer saber se o gestor tem trabalhado na ‘linha de frente’ do combate à pandemia.

É que com a limitação no quantitativo das vacinas distribuídas nesse primeiro momento, apenas os profissionais da saúde desse grupo prioritário deveriam receber as doses.

“Vamos investigar se o prefeito está enquadrado nesse grupo prioritário e também investigar se outras pessoas também foram vacinadas”, disse o promotor Leidmar Bezerra.

Em entrevista à imprensa, o prefeito disse que quis dar um bom exemplo. Ele pode ter conseguido, contudo, mais uma dor de cabeça com o gesto.

Mais Notícias

Comente
O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados com *