Política 10:23

MP recomenda exonerações de comissionados em prefeitura que tem 260 coordenadores e 133 diretores

Município tem mais comissionados do que Campina Grande e Patos. Prefeito disse que ainda não foi notificado pelo MP

Foto: reprodução

Uma recomendação expedida pelo Ministério Público pede a exoneração de 271 servidores comissionados da prefeitura de Piancó, no Sertão do Estado. E não é por acaso. A cidade tem 441 comissionados, sendo 260 coordenadores e 133 ocupando cargos de direção. Um quantitativo visivelmente desarrazoado para um município com pouco mais de 16 mil habitantes. O número é tão elevado que a cidade consegue ter mais comissionados que Campina Grande (364) e Patos (209), conforme os dados disponibilizados pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB).

“Os cargos comissionados representam 78,19% de servidores efetivos, demonstrando a completa desvirtuação dos cargos em comissão, fazendo com que haja praticamente um chefe ou diretor para cada servidor efetivo, sendo que aqueles cargos são de livre provimento e deveriam se ater apenas e tão somente, nos termos da Constituição Federal, a funções de chefia, direção ou assessoramento”, explicou o promotor de Justiça, Leonardo Clementino.

Segundo o MP de 2017 até agora a folha de comissionados da prefeitura cresceu mais de 300%. O gasto com o pagamento de salários desse grupo é superior a R$ 820 mil por mês, conforme o TCE.

Foto: reprodução

Ao blog o prefeito de Piancó, André Galdino, disse que ainda não foi notificado da recomendação expedida pelo MP. Ele adiantou que vai reunir a equipe para analisar a situação.

Confira a recomendação na íntegra

Mais Notícias

Comente
O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados com *