Política 12:24

Em plena pandemia, prefeituras e câmaras da Paraíba gastam mais de R$ 5 milhões em diárias e passagens

Foto: reprodução

A crise provocada pelo coronavírus tem apertado o bolso de todo mundo, certo? Quase isso. A ‘máxima’ não tem validade, às vezes, quando o dinheiro é retirado dos cofres públicos. As dificuldades econômicas fizeram postos de trabalho diminuir e ameaçam empresas e empreendedores. Mas ainda assim prefeituras e câmaras de vereadores da Paraíba continuam gastando, e muito, com o pagamento de diárias, passagens e locomoções.

De acordo com dados disponibilizados pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB), nos 5 primeiros meses deste ano foram empregados mais de R$ 5 milhões com esse tipo de despesa.

O valor é bem abaixo dos números de 2019, é verdade, mas ainda parece estar elevado ao considerarmos que nos meses de março, abril e maio as viagens, reuniões e eventos praticamente desapareceram das agendas dos órgãos públicos – por conta da pandemia.

No caso de diárias, os municípios paraibanos gastaram R$ 2,9 milhões no período. Os Legislativos somaram pouco mais de R$ 160 mil. Já com despesas de passagens e locomoção o montante desembolsado pelas prefeituras foi de R$ 1,9 milhão. Já as Câmaras usaram R$ 47,4 mil para custear esse tipo de gasto.

Proporcionalmente à receita municipal, o ranking do TCE traz o município de São José de Princesa, no Sertão do Estado, como campeão de gastos com diárias (R$ 76,8 mil). Já no item passagens e locomoção a cidade de Mataraca aparece na liderança de gastos, com R$ 262,4 mil.

Foto: reprodução

Entre os legislativos municipais a ‘Casa’ que mais gastou com diárias, proporcionalmente ao orçamento, foi a de Logradouro, com R$ 8,7 mil. Já no quesito passagens e locomoção os vereadores campeões em gastos foram os do município de Marcação, que utilizaram R$ 16,4 mil.

Foto: reprodução

Foto: reprodução

 

Mais Notícias

Comente
O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados com *