Política 12:42

Romero mantém estabelecimentos fechados, autoriza reabertura de shoppings e questiona bandeira laranja

Medidas foram anunciadas nas redes sociais. Prefeito questionou inclusão de Campina em bandeira laranja pelo Estado

Foto: Arquivo Jornal da Paraíba

Os bares, academias e restaurantes de Campina Grande continuarão fechados por conta da pandemia do coronavírus. A decisão foi anunciada no início da tarde de hoje pelo prefeito Romero Rodrigues (PSD). Os estabelecimentos iriam abrir a partir da próxima segunda-feira, conforme a 2ª Etapa do Plano de reabertura feito pela prefeitura, mas após duas reuniões com representantes do Ministério Público a gestão municipal optou por recuar.

Já os shoppings da cidade continuam autorizados a reabrir, desde que mantenham praças de alimentação, cinema e salões de jogos fechados. A recomendação dos MPs é de que o município obedeça aos critérios estabelecidos pelo plano estadual de reabertura, que hoje coloca a cidade com uma bandeira laranja – onde fica proibido o funcionamento de bares, shoppings, restaurantes e academias.

Durante uma transmissão, nas redes sociais, Romero também anunciou a formalização de uma comissão que vai avaliar o avanço da doença em Campina Grande. Ele questionou a inclusão da cidade na bandeira laranja pelo Governo do Estado.

“Não concordamos de sermos inseridos numa bandeira com dados que a gente discorda. Temos a informação oficial que conseguimos constatar 1.226 casos duplicados num boletim do Estado. É muita coisa e isso pode provocar a alteração na bandeira de Campina”, argumentou o prefeito.

Hoje a cidade tem, conforme a prefeitura, 5.180 casos confirmados da doença e uma taxa de ocupação de leitos de UTI de 66%. Nas enfermarias a taxa de ocupação é de 34%.

Nos números do Estado a cidade aparece com 6.025 casos confirmados de covid-19. Para o Estado, o município tem atualmente uma das maiores taxas de transmissibilidade da covid-19, superior a 2 pontos.

Mais Notícias

Comente
O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados com *