Caruaru suspende São João 2020 e Romero vai reavaliar medida em Campina Grande

Foto: Ascom

A prefeitura de Caruaru anunciou, nesse fim de semana, que não realizará o São João da cidade no formato tradicional. As festividades poderão ser realizadas através de transmissões pela internet, mas ainda não há um “modelo pronto”. Em Campina Grande, o prefeito Romero Rodrigues (PSD) deverá reavaliar em julho o cenário para decidir se mantém, ou não, o evento. O Maior São João do Mundo, realizado em junho, foi adiado no início da pandemia para o mês de outubro. Mas a verdade é que a sua realização vai depender do avanço da Covid-19 e de seus efeitos econômicos.

Por enquanto, o prefeito campinense trabalha com a esperança de que a doença não interfira na festa. É que cancelar um evento que movimenta mais de R$ 70 milhões na cidade não é, claro, uma tarefa fácil. Ano passado, de acordo com uma pesquisa encomendada pelo setor de bares e restaurantes, a festa foi aprovada por 94% das pessoas e 98% dos turistas que visitaram a cidade se mostraram dispostos a voltar.

Naquela época, porém, ninguém sequer imaginava que no ano seguinte teríamos uma pandemia mundial, com mais de 11 mil mortos no país. Certamente hoje a disposição das pessoas em participar desse tipo de evento, com aglomeração, é bem menos acentuada.

Diante do imprevisível, a empresa que organiza a festa já anunciou que fará, no próximo mês, uma edição virtual do São João. É o que parece, a preço de hoje, a única alternativa razoável de ser buscada.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *