Depois de 20 dias de recesso, Câmara de Vereadores de Campina volta aos trabalhos

Legislativo terminou o semestre passado com imagem desgastada, após aprovação de projeto que aumentava valor de corridas de Uber

Após um recesso de 20 dias, durante o período do Maior São João do Mundo, os vereadores de Campina Grande deverão voltar aos trabalhos nesta quinta-feira (11). A expectativa é de que, juntamente com as discussões em Plenário, ocorra também o retorno das atividades da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga a existência de um cartel nos postos de combustíveis de Campina Grande.

Na última sessão do semestre, no dia 18 de junho, o Legislativo campinense saiu com a imagem desgastada junto à opinião pública. É que a ‘Casa’ aprovou um projeto de regulamentação do Uber e demais aplicativos de transporte, mas com uma Emenda que aumentou o valor mínimo das corridas na cidade.

O usuário passaria a pagar R$ 7,40 como valor mínimo, considerando que o projeto condicionava a tarifa do Uber ao valor de duas passagens de ônibus na cidade. Hoje o mínimo é de R$ 5,43. O projeto, dias depois, foi vetado pelo prefeito Romero Rodrigues depois de uma ‘enxurrada de críticas’ nas redes sociais.

Concurso

Durante o recesso a Câmara de Vereadores convocou 11 candidatos aprovados no último concurso público realizado pela ‘Casa’. A convocação foi publicada no Semanário Oficial do município e, segundo a presidente da Câmara, Ivonete Ludgério, foi o ponta-pé inicial para a convocação de todos os aprovados no certame.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *