Romero anuncia veto ao aumento de tarifa do Uber e aplicativos em Campina Grande

Prefeito antecipou o veto ao projeto, depois da repercussão na cidade

Prefeito anunciou que vetará Emenda

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, anunciou na tarde desta quarta-feira (19) que vai vetar a Emenda aprovada ontem pela Câmara de Vereadores do município, que reajusta o valor mínimo das corridas no Uber e demais aplicativos. A antecipação do veto acontece depois da grande repercussão negativa na cidade, com a aprovação do reajuste.

“Haveremos de vetar uma parte do projeto que foi deliberado no dia de ontem no Legislativo. Essa questão da tarifa, esse ponto será vetado”, informou.

O projeto

Na última sessão do semestre da ‘Casa’ os vereadores aprovaram, sem emendas, o projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). Eles também aprovaram o projeto 162/2019, que regulamenta o serviço de Transporte Remunerado Privado Individual de Passageiros por meio de Plataforma Individual (UBER, 99, Cabify e Urbano). A proposta aprovada que regulamenta o transporte por aplicativo determina que o valor mínimo da tarifa paga será o dobro da passagem do transporte coletivo urbano.

Hoje, em Campina Grande, seria R$ 7,40, considerando que uma passagem de ônibus custa R$ 3,70. Atualmente o valor mínimo de uma viagem de Uber é R$ 5,43.

 

Comente Romero anuncia veto ao aumento de tarifa do Uber e aplicativos em Campina Grande

  1. CLAYDSON Disse:

    Ótima decisão. Próximo passo é pedir explicações aos vereadores a respeito dos motivos que os fizeram votar a favor desse projeto.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *